CPI

Exploração sexual

05 de dezembro de 2018 - 19:26

Da Redação

Compartilhe

A Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI), que irá investigar e apurar a Exploração Sexual Infanto-Juvenil, elegeu o deputado estadual Paulo Corrêa Jr como presidente.

A eleição ocorreu na Assembleia Legislativa do Estado de São Paulo (ALESP).

A deputada Maria Lucia Amary (PSDB) foi eleita a vice-presidente, e o deputado Ed Thomas (PSB) escolhido como relator.

No primeiro encontro dos membros da comissão foi acordado que especialistas serão chamados para reuniões da CPI, com o objetivo de explanar melhor o assunto e mostrar onde estão as origens do problema.

Operação Luz na Infância

Entenda o caso

Corrêa Jr. viabilizou esta CPI após participar do fórum “A Exploração Sexual Infanto-juvenil esconde medo, seja a voz daqueles que não podem falar”, que aconteceu na Universidade Santa Cecília (Unisanta) no dia 26 de fevereiro.

Ele foi um reflexo da série de reportagens do Diário do Litoral, realizada em 2017 intitulada “Meninas do Centro”.

Além disso, o deputado estadual apresentou o projeto de lei nº92 de 2018 que autoriza o Governo do Estado a criar um serviço de disque denúncia de abuso ou exploração sexual de crianças e adolescentes.

LEIA TAMBÉM: