Cata-Treco

Madeira sobrando

07 de agosto de 2018 - 17:55

Da Redação

Compartilhe

Em razão do volume considerável e suficiente para confecção de peças com madeira reaproveitada, os caminhões do Cata-Treco não estão levando mais este tipo de material para a Ecofábrica Criativa, localizada na região do Mercado.

Assim, o material recolhido das ruas tem como destino a área de transbordo, na Alemoa.

Uma pena.

Se houvesse uma ampliação desta elogiada ação, hoje sob responsabilidade do Fundo Social de Solidariedade, mais pessoas poderiam ser beneficiadas com esta ação social e também ambiental.

Afinal, menos lixo jogado significa menos volume no aterro sanitário no Sítio das Neves que, aliás, já está com os dias contados.

Em razão do excesso de madeira recolhida nas ruas, a Ecofábrica já conta com material suficiente para execução dos trabalhos. Assim, o lixo retirado do Cata-Treco tem como destino a área de transbordo e, é claro, o aterro sanitário. Foto: Divulgação/Arquivo-PMS

LEIA TAMBÉM: