Dr. Bruno Pompeu

Espelho meu

Novo artigo do médico Dr. Bruno Pompeu

10 de outubro de 2018 - 12:04

Compartilhe

Vira e mexe surge alguém em nossa vida para nos trazer uma lição em forma de um aprendizado importante: o que não fazer.

Pessoas interessantes, que nos conquistam num primeiro momento, mas que o passar do tempo e o convívio trazem à tona características obscuras e até então desconhecidas.

Alguém que aprecia o ócio, repudia o trabalho, o pouco que faz é sem capricho ou esmero, e sempre no mesmo ritmo: moroso (PREGUIÇA).

Ao mesmo tempo, sempre cobiçando o que é do próximo (INVEJA) e, por conta disso, disparando-lhe um descontrolado sentimento de raiva e ódio (IRA).

Ávido por comida e, com forte egoísmo, atira-se a tudo que encontra na geladeira (GULA) ao pisar em casa. E, com a mesma fúria, apega-se a dinheiro e bens materiais, ignorando os princípios de convivência em sociedade (AVAREZA).

Busca lugares onde possa exercitar os prazeres da alma e da carne (LUXÚRIA), e não aceita conselhos, nem regras, graças a seu orgulho e arrogância (VAIDADE).

Eis os Sete Pecados Capitais. E você, conhece alguém assim?