Natação

Unisanta renova equipe rumo a Tokyo 2020

Atletas foram apresentados na manhã desta terça-feira em coletiva de imprensa

31 de janeiro de 2017 - 13:05

Da Redação

Compartilhe

Quem acompanha a natação brasileria, conhece bem estes nomes: Joanna Maranhão, Leonardo de Deus, Thiago Simon, Daiene Marçal Dias e Carol Bilich. São atletas da elite da natação, qua ganharam nos últimos anos destaque mundial, e passam a integrar a equipe da Universidade Santa Cecília (Unisanta).

unisanta

Poliana, Ana Marcela, Gabi Roncatto, Nicholas Santos, Carol Bilich, Joana Maranhão, Leonardo de Deus e Thiago Simon

Os atletas somam forças ao já consagrado time santista como as maratonistas Poliana Okimoto e Ana Marcela Cunha, os velocistas Nicholas Santos, Matheus Santana, Felipe Ribeiro e Alessandra Marchioro, além de Gabi Roncatto jovem promessa da natação brasileira, que fez sua estreia em olimpíadas no ano passado. Outra novidade é a mudança da nadadora Julia Sebastian para o Brasil. A argentina, que já defende há muitas temporadas a camisa da Unisanta, agora treinará na piscina da Instituição, em Santos. Julia é especialista nos 100 e 200 metros peito.

Segundo o pró-reitor administrativo da Unisanta, Marcelo Teixeira, o objetivo foi alcançado, mantendo a equipe base e com novos atletas, reforçando o time, visando as olímpiadas de Tokyo, em 2020. Para Teixeira, o planejamento é primordial para alcançar os resultados que podem vir nas próximas competições.

unisantab

Atletas treinaram na manhã desta terça

Para os atletas, o grande diferencial de atuar na equipe da Unisanta é conseguir aliar o esporte com o estudo. “Demorei 9 anos para conseguir me graduar, pois não tinha esta possibilidade que o Santa nos oferece. E isso é um diferencial muito importante”, conta Joanna Maranhão que se dividirá entre as braçadas em Santos e a família em Belo Horizonte. Para Tiago Simon, que já fez parte da equipe, é muito gratificante voltar e poder contar com toda a infraestrutura, aliando também a educação.

Não é a toa que a Unisanta é considerada uma das universidades que mais investem no esporte no País, a exemplo das instituições americanas que aliam com êxito a educação e o esporte. “Nós mantemos também uma equipe multidisciplinar de profissionais em várias especialidades, com estrutura modelo”, conta Marcelo.

Para o presidente da Federação Aquática Paulista, Marcelo Biazoli, faltam iniciativas e instituições no país como a Unisanta que invistam com planejamento no esporte, aliando com a questão educacional.

Conheça os atletas

  • Joanna Maranhão
    Especialista no nado medley, com várias medalhas em Pan-Americanos. Participou de quatro Olimpíadas e integra a seleção brasileira há 15 anos.
  • Leonardo de Deus
    Especialista nos 100m e 200m borboleta, 100m e 200m costas, 200m e 400m livre. Participação em mundiais, nos Jogos Olímpicos de Londres, com pódios em Pan-Americanos e Sul-Americanos.
  • Thiago Simon
    Especialista no nado medley e 200m peito, com vitórias em Campeonatos Pan-Americanos e Sul-Americanos.
  • Daiene Marçal Dias
    Especialista nos 100 e 200m borboleta. Bronze (200m borboleta) nos Jogos Pan-americanos Rio 2007; Campeã (100m borboleta) do Troféu Maria Lenk (2016); Vice-campeã (50m borboleta) e 3ª colocada (100m borboleta) no Troféu José Finkel (2014); Vice-campeã (200m borboleta) no Troféu José Finkel (2012).
  • Carol Bilich
    Especialista em provas de fundo – 200m, 400m e 800m livre (piscina) e na maratona aquática. Conquistou vaga para o Sul-Americano de Praia, que acontecerá em fevereiro, no Peru. Essa será a segunda vez que Carol disputa um Sul-Americano de maratona aquática. Participação no Mundial de Kazan, Pan-Americanos e Sul-Americanos (natação e águas abertas).

Olimpíadas

Em 2016, o Complexo Poliesportivo da Unisanta foi escolhido como local de treinamento das seleções da Itália (natação, triatlo e maratona aquática), Japão (maratona aquática), Eslovênia (natação e triatlo) e Rússia (maratona aquática) no período de aclimatação para os Jogos Olímpicos Rio 2016.

Reconhecida como “o maior clube de maratonas aquáticas do mundo”, por reunir as duas representantes femininas do Brasil na modalidade nas olimpíadas (Poliana Okimoto e Ana Marcela Cunha), a Unisanta fez história ao enviar para o Rio de Janeiro uma equipe de 13 atletas e paratletas nas modalidades: natação, maratona aquática, tênis de mesa e ciclismo, além da comissão técnica.

 

 

LEIA TAMBÉM: