esportes

Velocista é convocado para disputar o Pan Americano

Aos 19 anos, Luca Santos participará do Pan Americano de Atletismo Sub-20, no Peru

11 de julho de 2017 - 09:41

Da Redação

Compartilhe

O velocista Luca Santos, foi convocado para o Pan Americano de Atletismo Sub-20, que acontece nos dias 21 a 23 de julho, na cidade de Trujillo, no Peru. Aos 19 anos, o atleta integra a equipe Memorial-Santos/Fupes e vai participar do revezamento 4x100m. A confirmação veio nesta segunda-feira (10) após o fechamento do período de obtenção dos índices exigidos pela Confederação Brasileira de Atletismo (CBAt).

Único representante de Santos na competição, Luca comemorou o anúncio oficial a caminho da rodoviária.

“Fui chamado para participar de um camping em Bragança Paulista, então ainda não tive muito tempo de comemorar com a família. Mesmo assim, estou muito feliz, porque essa é uma das competições mais importantes para mim nesta temporada”, explicou o velocista, que também se prepara para a final do Campeonato Estadual Adulto neste sábado (16), em São Bernardo do Campo.

Considerado uma das apostas do atletismo nacional, Luca iniciou as competições de 2017 em abril, conquistando o 3º lugar na prova dos 100m no Campeonato Brasileiro Interclubes Sub-20. O resultado o favoreceu, pois o revezamento do Pan é formado por atletas que conquistam o índice do 4×100 (40’’09) mais os melhores colocados no Brasileiro. Na ocasião, o atleta vinha se recuperando de uma lesão na coxa esquerda e decidiu se poupar nas primeiras competições do ano.

“Resolvi priorizar minha recuperação física, tanto que projetava conquistar uma boa marca no Brasileiro, mas sem cobranças muito altas. Mesmo sem tanto ritmo, consegui subir ao pódio. Agora me sinto bastante preparado para buscar um pódio no Pan”, afirmou.

Sobre Luca

Fã de Usain Bolt, Luca Santos tem em seu currículo um terceiro lugar nos Jogos Sul-Americanos de Bogotá em 2011 com apenas 13 anos e, no ano seguinte, venceu a edição de Natal, no Rio Grande do Norte. Em 2013, foi recordista brasileiro mirim e figura entre os melhores do ranking brasileiro juvenil de sua categoria. Chega como uma das apostas para o novo ciclo olímpico brasileiro de atletismo, visando a classificação para os Jogos Olimpícos de 2020, em Tóquio, no Japão.

LEIA TAMBÉM: