ETC
Negócios

Atendimento diferenciado pode alavancar vendas na crise

Vendedores e empresas que se interessam em adquirir novos conhecimentos e técnicas devem, impreterivelmente, investir em capacitação

13 de novembro de 2017 - 18:57

Da Assessoria

Compartilhe

Para voltar a crescer, há a necessidade de saber usar as ferramentas certas para ser visto no mercado, seja ele virtual ou presencial. Foto: Pixabay

Por muito tempo a área de vendas era dominada por regras simples: tradição, qualidade, bom preço e boa publicidade.

Essa era a receita do sucesso.

Mas nos tempos de hoje, a concorrência livre, a internet, redes sociais e a vasta facilidade de se encontrar os mesmos produtos por menores preços vêm criando obstáculos para o comércio a se reerguer.

Por isso, empresários e vendedores estão reformulando o conceito de comércio, que tem como primeira regra levar ao cliente a sensação de atendimento vip e personalizado.

Tudo para que ele saia satisfeito, propague o nome da loja e volte mais vezes.

 

Como vender em tempos de crise?

O Brasil passa por um período de instabilidade econômica, na qual o consumidor está cada vez mais preocupado em investir seu dinheiro com inteligência.

Compras desnecessárias e supérfluas já não fazem parte do cotidiano brasileiro.

E a internet trouxe benefícios e malefícios para aqueles que vivem do comércio.

Se por um lado a concorrência de preços ficou maior com a rede, vendedores inteligentes utilizam a web para alavancar sua renda e destacar seus produtos.

Tudo vira uma questão de ponto de vista e de saber usar as ferramentas certas para ser visto no mercado, seja ele virtual ou presencial.

Por mais que se fale em crise, estratégias de vendas tem alavancado o lucro de empresas que oferecem oportunidades como parcelamento, crediário, cartões de débito e crédito.

E também vendedores especializados que podem, com propriedade, convencer a freguesia a comprar o melhor produto com o melhor custo benefício.

 

A importância de se investir no atendimento ao cliente

O vendedor é o principal elo de ligação entre empresa e cliente.

É muito comum por parte do consumidor atribuir todas as responsabilidades do estabelecimento ao funcionário, pois é ele que representa a organização.

Muitas empresas já perceberam o valor de uma boa venda.

Assim, elas  estão preparando seus funcionários para que consigam utilizar as melhores técnicas por meio de cursos e workshops de capacitação nos quais o foco é o cliente.

Vendedores e empresas que se interessam em adquirir novos conhecimentos e técnicas devem, impreterivelmente, investir em capacitação.

Um curso de vendas pode ajudar as empresas a lucrarem com ferramentas diferenciadas para o comércio, alavancando as vendas nesse cenário de crise.

 

Confira também algumas dicas que podem ajudar no relacionamento entre cliente e vendedor:

● Conheça minuciosamente e extraia todos os benefícios do produto que esteja vendendo.
● Não desista no primeiro não.
● Tenha paciência e escute seu cliente com atenção.
● Não julgue seu cliente pela aparência. Esse é um dos erros mais comuns.
● Faça um cadastro de seus clientes a fim de fidelizá-lo. Dê os parabéns no aniversário ou mande mensagens em épocas de promoção, liquidação e lançamento de coleção.
● Seja verdadeiro. O consumidor pode até comprar aquele produto que você disse que era ideal, mas ao perceber a mentira ele nunca mais voltará e falará mal de você e do estabelecimento.

LEIA TAMBÉM: