Único lance

Triplex que pertenceria ao ex-presidente Lula é arrematado por R$ 2,2 milhões

Triplex no Guarujá, no litoral paulista, que seria do ex-presidente Lula, foi arrematada por R$ 2,2 milhões em um único lance. Quase 55 mil visitas foram feitas ao site.

15 de Maio de 2018 - 14:35

Da Redação

Compartilhe

Triplex em Guarujá está para ser leiloado. Primeiro prazo se encerra nesta terça (15), às 14 horas

O triplex, localizado na Praia das Astúrias, em Guarujá, no litoral paulista, que seria do ex-presidente Lula, foi arrematado pelo valor de R$ 2,2 milhões, no único lance oficialmente feito pela compra do imóvel.

A quantia era o montante inicialmente avaliado pela Justiça Federal.

Na noite de segunda (14), uma pessoa identificada como de Piracicaba havia dado o lance.

No entanto, horas depois houve mudança no vencedor da compra, agora identificado como GuarujaPAR.

O montante, porém, não foi alterado.

O vencedor tem até 72 horas para efetuar o pagamento à vista para efetivamente fica com o imóvel.

O site do leilão do imóvel foi concluído com quase 55 mil visitas.

Além do montante, o comprador terá que pagar 5% (R$ 110 mil) para a Marangoni Leilões.

Imóvel

Com 215,2 metros quadrados de área privativa e 82,69 metros quadrados de área comum – incluindo as duas vagas de garagem -, o triplex 164-A foi colocado à leilão a pedido do Ministério Público Federal.

Aparece como  réu o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva.

O imóvel, porém, aparece registrado em nome da OAS Empreendimentos.

E também: está matriculado com o número 104801 do Registro de Imóveis de Guarujá.

Conforme observações do laudo de avaliação, no primeiro pavimento há uma sala com varanda, cozinha e área de serviço, além de lavabo e uma suíte, que teria sido incluída posteriormente.

No segundo pavimento, são três quatros compactos (uma suíte), um banheiro e um hall de distribuição.

No terceiro piso, além de uma sala, fica a parte externa do imóvel, com área de churrasqueira e piscina.

O imóvel possui piso frio em todos os cômodos e armários planejados nos quartos, cozinha, área de serviço, área externa e banheiros.

No local, havia um fogão, exaustor e uma geladeira, sem uso e desligados.

Existe um elevador que integra os três andares.

Segundo a descrição, tanto o imóvel como móveis (armário e camas) estão em bom estado de conservação.

No entanto, os móveis da área externa (coifa e armários)  apresentam sinais de desgaste e ferrugem em razão da maresia.

Imóvel já conta com fogão e armários

Condomínio

De acordo com a Administração do condomínio Edíficio Salinas,  no Condomínio Solaris, existem débitos condominiais.

Até 10 de abril passado, o valor era de R$ 47.204,28, que serão de responsabilidade do arrematante.