Artesp anuncia medidas de controle de tráfego na chegada ao cais santista | Boqnews
Foto: Corpo de Bombeiros da PMESP

Porto de Santos

05 DE ABRIL DE 2015

Artesp anuncia medidas de controle de tráfego na chegada ao cais santista

Ações serão adotadas a partir da zero hora da segunda (6) para evitar congestionamentos e paralisação das rodovias na chegada à região

Por: Da Redação

array(1) {
  ["tipo"]=>
  int(27)
}
No momento, três tanques ainda queimam, o que demandará mais tempo para o fim dos trabalhos dos bombeiros e equipes de apoio no terminal da Ultracargo.

No momento, três tanques ainda queimam, o que demandará mais tempo para o fim dos trabalhos dos bombeiros e equipes de apoio no terminal da Ultracargo.

A ARTESP (Agência de Transporte do Estado de São Paulo) e a Ecovias, concessionária que administra o Sistema Anchieta/Imigrantes, anunciam medidas de controle de tráfego de caminhões na chegada ao Porto de Santos. Em virtude do incêndio em tanques com combustíveis na empresa Ultracargo, em Santos, será realizado bloqueio de caminhões com destino à margem direita do Porto de Santos no km 40 da Rodovia Anchieta, no início do trecho de serra, a partir da zero hora desta segunda-feira, dia 6 de abril.

A Polícia Militar Rodoviária fará triagem dos caminhões com destino à Baixada Santista. A seleção será realizada no altura do km 40 da Anchieta, próximo do bolsão da interligação. Quem não puder seguir viagem será encaminhado para o bolsão de estacionamento e deverá aguardar liberação do acesso ao Porto através do Viaduto Alemoa. Os caminhões que têm destino à margem esquerda do Porto serão liberados a seguir viagem. Os veículos de passeio e veículos leves estão liberados para descer a serra do mar sem problemas. O bloqueio vai vigorar até que o incêndio seja totalmente controlado pelo Corpo de Bombeiros.

Importante destacar que essa medida preventiva para garantir a fluidez de tráfego não afetará a circulação de ônibus no Sistema Anchieta/Imigrantes. A interligação estará fechada para veículos de passeio, que terão como alternativa o Rodoanel.

A Ecovias fará intensa comunicação no Sistema Anchieta/Imigrantes no trecho de Planalto avisando os caminhoneiros que está proibido descer a serra aqueles veículos com destino a margem direita do Porto. A concessionária tem à disposição 15 painéis de mensagens variáveis, que anunciarão o bloqueio. Os telefones de informações da concessionária e as redes sociais também estarão anunciando as medidas de controle de tráfego. As concessionárias que administram as rodovias Anhanguera, Bandeirantes, Castello Branco, Raposo Tavares, Ayrton Senna, Carvalho Pinto e Rodoanel também comunicarão o bloqueio de caminhões no km 40 da Anchieta através de mensagens em painéis nas pistas.

O objetivo é evitar congestionamento de caminhões e bloqueios das pistas por esses veículos pesados na chegada à Santos. Estes engarrafamentos poderão provocar impacto no tráfego na Baixada Santista e nos deslocamentos de moradores locais.

A região próxima ao incêndio está segura e as rodovias vizinhas não correm risco. O Viaduto Alemoa continuará interditado, bloqueando o acesso direto à margem direita do Porto de Santos. O acesso à margem esquerda continua sendo realizado sem problemas, pela rodovia Cônego Domênico Rangoni, assim como o acesso à Rodovia Rio-Santos e ao município de Guarujá.

Notícias relacionadas

ENFOQUE JORNAL E EDITORA © TODOS OS DIREITOS RESERVADOS

desenvolvido por:
Este site usa cookies para personalizar conteúdo e analisar o tráfego do site. Conheça a nossa Política de Cookies.