Baixada Santista piora indicadores na defesa do meio ambiente | Boqnews
Foto: Divulgação

Ranking

09 DE DEZEMBRO DE 2016

Baixada Santista piora indicadores na defesa do meio ambiente

No ano passado, a Baixada Santista tinha três municípios com o selo verde. Com a saída de Santos do ranking 2016, apenas Bertioga e Itanhaém se mantém com o título.

Por: Da Redação

array(1) {
  ["tipo"]=>
  int(27)
}
Itanhaém é a cidade da Baixada Santista que registra o melhor índice no ranqueamento estadual em relação ao meio ambiente

Itanhaém é a cidade da Baixada Santista que registra o melhor índice no ranqueamento estadual em relação ao meio ambiente. Foto: Divulgação

A Baixada Santista perdeu posições em relação ao Ranking Ambiental do Programa do Município Verde Azul, da Secretaria Estadual do Meio Ambiente. No ano passado, três cidades ganharam o selo verde azul: Bertioga, Itanhaém e Santos. Esta última, porém, está fora da lista na edição deste ano.

Os dados foram divulgados na quinta (8) durante a solenidade de apresentação do Ranking Ambiental pelo secretário do Meio Ambiente Ricardo Salles, que anunciou as parcerias com as secretarias de Agricultura e Abastecimento e de Saneamento e Recursos Hídricos para o próximo ciclo do programa.

Itanhaém é a cidade da Baixada Santista melhor colocada no ranking, ocupando a 32ª colocação entre os 616 municípios participantes, seguida por Bertioga, na 50ª colocação. Santos,  que ocupara no ano passado a 108ª posição, melhorou no ranqueamento atingindo a 90ª colocação. Porém, pela nota, a média ficou abaixo dos 80 pontos (foi 77,59), média para manter o selo verde azul.

Tirando Itanhaém, que melhorou seu posicionamento, e Bertioga, que se manteve no mesmo índice, todos os demais municípios da Baixada Santista pioraram seus indicadores em relação aos cuidados com o meio ambiente. As piores colocações ficaram com as cidades de Mongaguá (541ª colocação), Cubatão (569ª ), Peruíbe (580ª) e São Vicente, na pior colocação regional, na 597ª colocação.  Em 2016, ganharam o selo 119 municípios, Neste ano, apenas 77.

Campeã

A cidade de Novo Horizonte, localizada no interior de São Paulo, conquistou o título de município com a melhor gestão ambiental de 2016 no Ranking Ambiental do Programa do Município Verde Azul (PMVA), da Secretaria Estadual do Meio Ambiente. Novo Horizonte somou 98,69 pontos. Em segundo lugar, ficou Botucatu, também no interior, com 98,11 pontos. É a segunda vez consecutiva que as duas cidades aparecem no mesmo lugar do topo do ranking. O anúncio foi feito no São Paulo Expo, na capital paulista.

Atrás de Novo Horizonte e Botucatu ficou Jundiaí, com 97,45 pontos. E, pela primeira vez na história do PMVA, empatados em quarto lugar, Catanduva e Votuporanga com 97,38. Bragança Paulista assumiu a quinta posição com 96,81 pontos.

Salles também lançou duas novas ferramentas que vão ser usadas pela Secretaria. A primeira é uma ferramenta que localiza áreas com incidência do bioma cerrado no Estado. O trabalho, que permite identificar a ocorrência do cerrado, comparando imagens de 1989 e 2010, foi desenvolvido pela Embrapa e contou com o apoio da SMA. Confira aqui.

A outra novidade foi o “Mapa das Áreas de Preservação Permanente – APPs hídricas no Estado de São Paulo”. A ferramenta, que está no site da SMA, mostra a situação das Áreas de Preservação Permanente Hídricas do Estado de São Paulo, de abrangência municipal, na escala 1:20.000. O Mapa, que será entregue a todos os municípios, é um estudo realizado pela Fundação Brasileira para o Desenvolvimento Sustentável (FBDS) para o Ministério do Meio Ambiente.

 

Comprometimento

Participante do PMVA desde a primeira edição, em 2007, Novo Horizonte segue evoluindo na gestão ambiental. A cidade conquistou nota máxima em sete – contra seis do ciclo anterior -, das dez diretivas do PMVA: Biodiversidade, Arborização Urbana, Educação Ambiental, Cidade Sustentável, Gestão das Águas, Qualidade do Ar e Estrutura Ambiental.

O ciclo contou com 317 cidades, que apresentaram seus relatórios finais, com as ações ambientais realizadas, e destes, 78 municípios (25%) foram certificados, com uma pontuação superior a 80,0.

Confira aqui: ranking ambiental ciclo 2016

“O Programa Município VerdeAzul é uma parceria essencial entre Estado e Municípios na defesa do meio ambiente, com metas claras e resultados efetivos”, ressaltou o secretário Ricardo Salles.

 

 

O Programa

Lançado em 2007, pelo Governo do Estado de São Paulo, por intermédio da Secretaria de Estado do Meio Ambiente, o Programa Município VerdeAzul (PMVA) tem o inovador propósito de medir e apoiar a eficiência da gestão ambiental.

A participação dos municípios é voluntária e ocorre por meio de um termo de adesão. Assim, o principal objetivo do PMVA é estimular e auxiliar as prefeituras paulistas na elaboração e execução de suas políticas públicas estratégicas para o desenvolvimento sustentável do Estado de São Paulo.

Ao participar, assinando o Termo de Adesão, cada um dos municípios paulistas indica um interlocutor e um suplente, que serão o elo de comunicação entre o município e a Secretaria de Estado do Meio Ambiente.

As ações propostas pelo PMVA compõem as dez diretivas norteadoras da agenda ambiental local, abrangendo os seguintes temas estratégicos: Esgoto Tratado, Resíduos Sólidos, Biodiversidade, Arborização Urbana, Educação Ambiental, Município Sustentável, Gestão das Águas, Qualidade do Ar, Estrutura Ambiental e Conselho Ambiental.

Para a realização do seu objetivo, o PMVA oferece capacitação técnica aos interlocutores indicados pela municipalidade e, ao final de cada ciclo anual, publica o “Ranking ambiental dos municípios paulistas”.

 

Posicionamento (em º)         2016           2015

Santos                                        90                 108

Bertioga                                    50                    66

Guarujá                                   272                  291

Cubatão                                  569                  537

São Vicente                           597                   591

Praia Grande                        178                  193

Peruíbe                                  580                 544

Mongaguá                            541                   337

Itanhaém                               32                     67

 

Municípios verdes em 2015 – Santos, Itanhaém e Bertioga

Municípios verdes em 2016 – Itanhaém e Bertioga

Notícias relacionadas

ENFOQUE JORNAL E EDITORA © TODOS OS DIREITOS RESERVADOS

desenvolvido por:
Este site usa cookies para personalizar conteúdo e analisar o tráfego do site. Conheça a nossa Política de Cookies.