Meio Ambiente

Institutos promovem ação pelo dia mundial de limpeza de rios e praias

Mutirão deve reunir mais de 300 pessoas para retirar lixo da orla e também do Rio do Peixe

18 de setembro de 2019 - 13:05

Da Redação

Compartilhe

O Instituto Gremar e o Loteamento Iporanga, na Serra do Guararu, no Guarujá (SP), realizam mutirão pelo Dia Mundial de Limpeza de Rios e Praias na próxima sexta-feira (20), às 10h, na Praia do Perequê e no Rio do Peixe.

A iniciativa deve reunir cerca de 300 pessoas.

Incluindo, assim, 150 crianças, de 8 a 14 anos, da rede de ensino municipal.

O objetivo, além de sensibilizar a comunidade quanto à importância do cuidado com o meio ambiente, é recolher aproximadamente 1 tonelada de lixo.

Ações de educação ambiental são um dos pilares do Projeto de Monitoramento de Praias da Bacia de Santos (PMP-BS), integrado pelo Gremar.

No entanto, o evento envolverá não só a população local e os alunos, como a Associação dos Pescadores do Perequê.

Bairro que reúne a maior comunidade de pescadores da Baixada Santista.

Além do mutirão na faixa de areia e margens do rio, cinco barcos serão utilizados no recolhimento do lixo encontrado na água.

O material será contabilizado, separado e todo lixo reciclável será destinado para o Centro de Reciclagem da comunidade da Serra do Guararu.

Para Rosane Farah, bióloga do Instituto Gremar, “mais importante que o ato de recolher o lixo, é ajudar a conscientizar as pessoas sobre a importância de cuidar do meio ambiente. Precisamos diminuir o impacto humano sobre a vida marinha”, pondera.

 

 

Ação global

O movimento internacional Clean Up the World, ou International Costal Clean Up, é a maior ação global para limpeza do planeta, apoiada pela Organização das Nações Unidas (ONU).

Ela é promovida por diversas instituições que atuam na conservação costeira, marinha e políticas públicas.

Contudo, no Brasil, a ação é conhecida como Dia Mundial da Limpeza em Rios e Praias – DMLRP.

Portanto, em números gerais, mais de 35 milhões de pessoas já participaram de atividades do Dia Mundial de Limpeza de Rios e Praias.

Assim, possibilitando uma importante mudança de atitude e comportamento em escala global.

Entretanto, segundo o Instituto Gremar, entre a Baixada Santista e o Litoral Sul do estado de São Paulo, mais de 8 toneladas de lixo já foram recolhidas desde 2016.

Esta foi a primeira vez  que a ação foi realizada.

LEIA TAMBÉM: