Matrículas para vagas remanescentes podem ser feitas a partir de quinta (11) | Boqnews

Educação

08 DE JANEIRO DE 2018

Matrículas para vagas remanescentes podem ser feitas a partir de quinta (11)

Na falta de vagas remanescentes na unidade, o munícipe será encaminhado à Central de Vagas, à Secretaria de Educação (Praça Dos Andradas, 31, Centro), das 9h às 16h

Por: Da Redação

array(1) {
  ["tipo"]=>
  int(27)
}

Vagas remanescentes na rede municipal de ensino poderão ser preenchidas na quinta (11). Foto: Divulgação

 

As matrículas para vagas remanescentes das escolas municipais (educação infantil, ensino fundamental e educação de jovens e adultos) e entidades subvencionadas de educação infantil podem ser feitas a partir do próximo dia 11.

As informações foram publicadas nas portarias 2 e 3/2018 – Seduc, no Diário Oficial da última quarta (3).

Interessados devem comparecer às escolas e entidades subvencionadas listadas no DO, das 9h às 16h (educação infantil e ensino fundamental), e das 16h às 19h (educação de jovens e adultos).

Na falta de vaga na unidade, o munícipe será encaminhado à Central de Vagas, que funciona da Secretaria de Educação (Praça Dos Andradas, 31, Centro), das 9h às 16h.

 

Documentos

Pais ou responsáveis e alunos maiores de idade devem apresentar a seguinte documentação original, acompanhada de cópia: certidão de nascimento e cédula de identidade do aluno (se houver).

E ainda: carteira de vacinação, acompanhada de declaração de vacinação atualizada, expedida pela Unidade Básica de Saúde de referência da criança (exceto para candidatos a educação de jovens e adultos), cartão do Sistema Único de Saúde (se possuir), declaração de escolaridade ou histórico escolar a partir do 2º ano do ensino fundamental, RG dos pais e responsáveis e comprovante de residência em Santos.

 

Rede estadual

Termina na quarta (10) o prazo  para solicitar transferência para outras unidades da rede estadual.

Pais e responsáveis dos cerca de 3,7 milhões de alunos matriculados nas 5 mil escolas do Estado.

O resultado destas solicitações será divulgado a partir do dia 12, por meio da Secretaria Escolar Digital (https://sed.educacao.sp.gov.br/ConsultaPublica/Consulta), com acesso pelo Registro do Aluno (RA) e data de nascimento.

Ou ainda na unidade escolar onde foi realizada a inscrição.

Qualquer escola da rede estadual é ponto de inscrição para solicitar a transferência, que será avaliada pela equipe gestora.

Para o requerimento é necessário apresentar o documento de identidade (ou certidão de nascimento) do aluno e comprovante de residência.

Os critérios para efetivação da transferência são: ter realizado mudança de endereço ou a disponibilidade de vagas na unidade.

Caso não sejam transferidos, continuarão a estudar na unidade de ensino onde estão atualmente matriculados.

Todos os estudantes têm a matrícula garantida para o ano letivo de 2018.

 

Matrículas e transferências

Após a volta às aulas, em 1 de fevereiro, também será possível solicitar transferência de unidade escolar com o mesmo procedimento deste primeiro período.

As escolas também continuarão recebendo matrículas de novos alunos interessados em estudar na rede estadual durante todo o ano.

Para fazer este cadastro basta ir à unidade de ensino mais próxima com documento de identidade (certidão de nascimento ou RG) e comprovante de residência.

No caso de alunos menores de idade, a matrícula deve ser efetuada pelos pais ou responsáveis.

Notícias relacionadas

ENFOQUE JORNAL E EDITORA © TODOS OS DIREITOS RESERVADOS

desenvolvido por:
Este site usa cookies para personalizar conteúdo e analisar o tráfego do site. Conheça a nossa Política de Cookies.