Sol Nascente
José Adelson

Professor de língua japonesa e jornalista.

104 anos de imigração japonesa no Brasil

28 de junho de 2012 - 19:37

Compartilhe

A chegada do navio Kasato Maru ao porto de Santos, em 1908, é considerada o marco inicial da imigração japonesa no Brasil. Mas a história que une os dois países é bem mais antiga. Ao que consta, o primeiro registro da presença de japoneses no Brasil é de 1803, quando um navio de guerra de bandeira russa resgatou quatro náufragos do navio japonês Wakamia Maru, que havia afundado no oceano Pacífico. A belonave russa seguiu com os japoneses até o porto catarinense de Desterro, hoje Florianópolis, onde permaneceu por alguns dias para reparos e suprimentos.
Os quatro náufragos nipônicos deixaram importante registro sobre a população e a produção agrícola da época. Depois desse acidente de percurso, uma aproximação mais efetiva entre o Brasil e o Japão se daria somente no final do século XIX, em 1880, quando o vice-almirante Artur Silveira Mota visitou o Japão e iniciou as conversações para um tratado de amizade.
Alguns anos depois, em 1892, o governo brasileiro, por meio de um decreto lei, abriu as portas à imigração japonesa. Com isso, buscava-se recrutar trabalhadores para a lavoura cafeeira que sofria escassez de mão de obra, desde a extinção do tráfico de escravos em 1850 e o fim da escravidão, em 1888. Em 1894 ,o governo japonês enviou ao Brasil o deputado Tadashi Nemoto, com o objetivo de prospectar as condições e oportunidades que o Brasil poderia oferecer aos imigrantes do Japão. Ele visitou a Bahia, o Rio de Janeiro, Minas Gerais e SãoPaulo, e concluiu que o Brasil estava apto a receber os imigrantes. Dando continuidade ao estreitamento das relações, em 1895, o Brasil e o Japão assinaram em Paris o tratado de amizade – Comércio e Navegação.
Kasato Maru – A histórica viagem do navio Kasato Maru se inicia quando ele zarpou do porto de Kobe no dia 28 de abril de 1908 . Após 52 dias de viagem, ele chegou ao Porto de Santos na manhã de 18 de junho, por volta das 9h30. Após os exames médicos obrigatórios, o navio atracou no caís nº14, às 17 horas. Os imigrantes pernoitaram no navio e, no dia seguinte, ao amanhecer, começaram a desembarcar.
Hoje, a influência japonesa nos costumes e na cultura brasileira está consolidada. Os primeiros 781 imigrantes que chegaram no Kasato Maru tornaram-se símbolos da imigração japonesa nestes 104 anos, e é por meio desta coluna que pretendemos homenagear toda a comunidade japonesa no Brasil.