Companheiro Alckmin | Boqnews
ArteMala

Opiniões

08 DE ABRIL DE 2022

Companheiro Alckmin

Por: Jairo Sergio de Abreu

array(1) {
  ["tipo"]=>
  int(27)
}

Bordão usado pelo ex-presidente Lula, o termo ‘companheiro’ ganhou um novo aliado: o ex-governador Geraldo Alckmin, cujo nome foi oficializado pelo PSB, seu novo partido, na manhã desta sexta (8).

Estamos aqui

A chapa Lula-Alckmin será anunciada oficialmente no final de julho – após a homologação da união PT-PSB, mas ambos resolveram antecipar o ato para ganhar visibilidade, em decorrência do avanço do presidente Jair Bolsonaro nas pesquisas.

Era feliz e não sabia

Sempre usando métaforas futebolísticas, Lula lembrou que o País era feliz e não sabia quando existia a polarização PT-PSDB. “Era uma política civilizada. Hoje, não. É a política de ódio”, declarou.

Relembrar o passado

Enquanto isso, não faltam vídeos relembrando debates eleitorais e falas, principalmente de Geraldo Alckmin criticando Lula e o PT. Missão (quase) impossível
Correndo atrás de votos, ficou para 18 de maio a tentativa de se costurar uma terceira via envolvendo nomes do MDB, PSDB, Cidadania e União Brasil. Resta saber se a vaidade vai prevalecer ou o interesse coletivo. Por sua vez, o pré-candidato do PDT, Ciro Gomes, com a sua habitual acidez na oratória, já afirmou que não participará do grupo.

Exemplo social

Pela primeira vez, a Prefeitura de Santos vai contratar 260 pessoas privadas de liberdade do CDP de São Vicente, devidamente selecionadas, que irão aprender ofícios e atuar em serviços de zeladoria na Cidade, em parceria com a Funap, do governo paulista. O anúncio foi feito pelo prefeito Rogério Santos. Eles receberão 3/4 do salário mínimo e terão a pena reduzida em 1 dia a cada 3 trabalhados.

Fênix

Além disso, a prefeitura vai ampliar de 100 para 300 vagas para que pessoas de vulnerabilidade social possam aprender um ofício e alterar os rumos de seus vidas. As mudanças também incluem a transformação das cinco subprefeituras em prefeituras regionais, dando-lhes maior autonomia para agilizar os procedimentos junto à população. No primeiro momento, R$ 30 milhões serão reservados para os projetos sociais anunciados.

Espaço à direita

Vereador do PL e pré-candidato a deputado estadual, Sergio Santana não teme que outros nomes ‘da bancada da bala’ em Santos disputem o mesmo público nestas eleições. “Há espaço para todos”, destacou durante participação do Jornal Enfoque. Além dele, são pré-candidatos a estadual o vereador Fábio Duarte (Podemos) e Tenente Coimbra (PL), também fieis cabos eleitorais do presidente Bolsonaro.

Revoada

A saída da deputada Rosana Valle do PSB para o PL menos de dois meses após ter se empenhado para a escolha do novo diretório municipal provocou estragos entre os socialistas. Além dela, outros 11 nomes deixaram a legenda. E, destes, 5 integravam a diretoria. A turma do PSB Autêntico defende uma nova eleição, pois a Justiça já reconheceu que o recadastramento de filiados ocorreu de forma irregular.

Entrou na disputa

Após o silêncio – que durou até o fim da janela partidária no último dia 1º – sobre a mudança ou não de partido, o ex-prefeito Paulo Alexandre Barbosa confirmou: é pré-candidato a deputado federal pelo PSDB.

Quem Responde?

Quando…
serão repostos os efetivos da Guarda Municipal, corpo de Bombeiros e polícias civil e militar?

Charge do Mala

https://chargesdomala.blogspot.com/

Notícias relacionadas

ENFOQUE JORNAL E EDITORA © TODOS OS DIREITOS RESERVADOS

desenvolvido por:
Este site usa cookies para personalizar conteúdo e analisar o tráfego do site. Conheça a nossa Política de Cookies.