Dez do Manduca
Armando Gomes

Jornalista e apresentador do programa Esporte por Esporte

Debandada

Movimentação do mercado da bola, patrocínio máster do Santos e Copinha São Paulo são alguns dos assuntos da coluna Dez do Manduca

08 de janeiro de 2016 - 16:32

Compartilhe

Ando impressionado com a quantidade de jogadores deixando o país rumo à China. Todo ano, os times que têm jogadores que se destacam sofrem com perdas de peças, mas em número tão grande como vem acontecendo com o Corinthians é novidade. Ainda mais para um país sem expressão no mundo da bola. Pobre futebol brasileiro…

2. Na contramão
Se jogadores como Jadson, Renato Augusto e Ralf estão deixando o Corinthians, Alexandre Pato vai na contramão e não pretende ir jogar na China. É Pato, mas não é burro. Azar do time da capital paulista, que vê a possibilidade de não conseguir recuperar o alto investimento que fez.

3. Problema do tamanho de um bonde
Não é só o Corinthians que sofre com a possibilidade de não ter retorno financeiro em uma contratação errada, pois a novela problemática envolvendo Leandro Damião no Peixe é do tamanho de um bonde! Mais uma herança maldita da gestão anterior…

4. Volta?
Como disse anteriormente, a novela Robinho sempre volta à tona no Santos FC quando o mercado está aberto. E, mais uma vez, o peixe tem boas chances de contar com sua estrela. Se houver investidores para bancar o salário como está sendo planejado, sou totalmente à favor!

5. Empolgado
O presidente da Sociedade Portuguesa de Beneficência e ex-diretor do Santos FC, o vereador Ademir Pestana, está muito empolgado com a parceria entre Santos FC e Portuguesa Santista para o time B do Peixe representar a Briosa na Segunda Divisão do Paulistão. Ele espera que o presidente Lupércio Conde cumpra a palavra e incorpore na parceria o estádio municipal compartilhado entre Santos, Portuguesa e Jabaquara que irá alavancar o turismo e o futebol da Baixada Santista

6. Copinha
Com 7 pontos, os Meninos da Vila ficaram em primeiro no grupo 7. Apesar disso, o time não convence. Entendo que, em qualquer competição, não importa se no profissional ou na base, deve-se pensar em título, mas a prioridade deveria ser a revelação dos atletas, para se colher frutos no profissional.

7. Cobiçado
Até o momento, o Santos FC tem conseguido manter suas principais peças, e isso é ótimo. Ainda sim, Lucas Lima anda sendo cobiçado pelos rivais Palmeiras e Corinthians. Se não têm dinheiro para bancar a multa, por que tanta sondagem? O Santos não dará seu principal jogador de mão beijada!

8. Mercado
O Santos acertadamente negociou o lateral Galhardo para o Anderlecht, da Bélgica, por 1 milhão de euros. A quantia pode não ser alta, tendo em vista que o jogador de 24 anos foi destaque no Grêmio, mas o que pesa é que, daqui a seis meses, ele poderia deixar o clube de graça! Além disso, o Alvinegro ainda terá direito a 15% de uma futura venda. Portanto, foi um bom negócio. Já para se reforçar, surge o nome de Renato Chaves, de 25 anos, da Ponte Preta. Bom nome, ainda mais perto de alguns que foram especulados anteriormente.

9. Reginato Júnior
Muito triste com o falecimento do meu amigo radialista Francisco Reginato Júnior, com quem trabalhei na TV Gazeta e que cotidianamente vinha a Santos me visitar e participar do Programa Esporte por Esporte. Que Deus o receba de braços abertos. Aos familiares e amigos enlutados minhas condolências.

10. Caixa
Muito boa a negociação da Caixa Econômica Federal com o Santos FC visando o patrocínio máster da equipe. Afinal o Santos é o terceiro clube com mais apostas na Timemania, jogo de aposta dessa instituição financeira. Eles sabem o potencial do Clube. O atual marketing do Peixe trabalha bem, já o antigo era composto por um cara que se cuidasse de duas tartarugas, as duas fugiam em velocidade sem ele alcança-las.

#DeusExiste!