Sol Nascente
José Adelson

Professor de língua japonesa e jornalista.

Kosei Home

Casa de reabilitação e repouso de Santos comemora seus 40 anos

30 de junho de 2014 - 08:01

Compartilhe

No último dia 6 de junho, a Câmara Municipal de Santos proferiu homenagem aos 40 anos de fundação da Casa de Reabilitação Kosei Home em nossa cidade. A saudação foi feita pelo autor do projeto, o vereador Antônio Carlos Banha Joaquim, em sessão presidida pelo presidente da Câmara de Santos, Sadao Nakai.

Representando o prefeito Paulo Alexandre Barbosa esteve presente Mauricio Uehara e para finalizar enaltecemos os justos agradecimentos ao empresário japonês Riochi Jinnai pela contribuição oferecida à época para a Casa de Reabilitação Kosei Home de Santos.

Estiveram presentes na solenidade Yoshiharu Kikuchi, Misao Adachi, Marcelino Maezono, da Beneficência Nipo-brasileira de São Paulo, Valter Makoto Nakagawa, Hideo Hashimoto – articulador da placa, juntamente com Cristina Hashimoto.

Sadao Nakai, Yoshiharu Kikuchi, Antonio Carlos Banha Joaquim e a doutora Keiko Teruya

Sadao Nakai, Yoshiharu Kikuchi, Antonio Carlos Banha Joaquim e a doutora Keiko Teruya

O diretor geral da Kosei Home, Masayoshi Ibushi, não escondia sua alegria por estar participando deste grande evento em Santos. Entre os presentes, o presidente da Associação Japonesa de Santos, Alcides Tadaki Sekitani e sua esposa Olga Sekitani.

A Casa de Repouso Santos Kosei Home tem como objetivo proporcionar condições dignas de sobrevivência às pessoas, por meio de ações desenvolvidas que permitam o acesso e direito ao atendimento a todos os cidadãos, sem discriminação de qualquer natureza.

A entidade presta uma relevante contribuição à comunidade japonesa da região

A entidade presta uma relevante contribuição à comunidade japonesa da região

 

106 anos de Imigração Japonesa

Há 106 anos, o Porto de Santos foi palco de um evento que marcou a história, a cultura e a economia brasileira. Em 18 de junho de 1908, uma quinta-feira, chegava a Santos o navio Kasato-Maru com 781 imigrantes japoneses que iriam engrossar as fileiras das lavouras paulistas.

Nas comemorações no Emissário, junto à praia do José Menino, entre os presentes estava a senhora Alice Naka Hshimoto, filha de Bungoro Naka, primeiro imigrante japonês vindo no navio Kasato Maru e que atuou nas atividades pesqueiras em Santos fixando raízes em solo brasileiro.

Durante as comemorações, o discurso do presidente da Associação Japonesa de Santos apresenta o grupo de danças Odori

Durante as comemorações, o discurso do presidente da Associação Japonesa de Santos apresenta o grupo de danças Odori

Na programação da festa, o presidente da Câmara Municipal de Santos, Sadao Nakai proferiu um discurso enaltecendo o nome de Ryu Mizuno, pai da imigração japonesa para o Brasil.

O presidente da Associação Japonesa de Santos, Alcides Tadaki Sekitani fez a apresentação do grupo de danças Odori de Santos lembrando um pedaço da Terra do Sol Nascente em nossa cidade. O jornal Boqnews parabeniza a comunidade nipônica e agradece a credibilidade de nosso periódico e aos anunciantes da coluna.

quadrojapones

Estudos
Desde que chegaram ao Brasil os japoneses ensinaram com muito carinho a língua japonesa aos seus descendentes. Hoje, muitos brasileiros sem ascendência começam a estudar a língua tendo interesse também pela milenar cultura do Japão.

Nos dias de hoje vivemos em um mundo sem fronteiras onde o conhecimento da língua japonesa é de fundamental importância para estreitar as relações entre o Brasil e o Japão.

Parabéns Brasil! Parabéns Japão!