Dentro da crise,Conmebol se reinventa para rentabilizar direitos da Libertadores | Boqnews

Mídia

30 DE SETEMBRO DE 2020

Dentro da crise,Conmebol se reinventa para rentabilizar direitos da Libertadores

Com a desistência da Globo, TV Conmebol abre espaço para telespectadores assistirem os jogos da Libertadores e Sul-Americana em suas plataformas

Por: Da Redação

array(1) {
  ["tipo"]=>
  int(27)
}

O ano de 2020 não está sendo um ano fácil para as transmissões esportivas desde o início da crise sanitária e a revolução envolvendo os detentores de direitos e as organizações que realizam os eventos esportivos chegou num novo ponto, a partir do momento em que as atividades envolvendo as mais diversas categorias foram retomadas ao redor do mundo. Dessa forma, com a retomada, os torcedores encontram no https://apostagolos.com/ as melhores dicas de apostas.

De acordo com a Forbes, o custo da paralisação durante dois meses nos Estados Unidos foi avaliado em, no mínimo, US$ 5 bilhões (R$ 27,5 bilhões), incluindo vendas de ingressos, concessões, patrocínios e o dinheiro dos direitos de transmissão.

Assim, o baseball representou 40% do valor (2 bilhões), enquanto a NBA e a NCAA, organizações responsáveis pelo basquete e pelo conjunto de esportes universitários enfrentaram uma perda de 1,2 bilhão e 1 bilhão, respectivamente.

 

Brasil

No Brasil, a situação entre esporte e finanças não é diferente.

E o telespectador é quem sofre dentro da dança das cadeiras com um dos maiores torneios de futebol do continente.

Curiosamente, a Copa Libertadores da América recebe o nome “Libertadores” desde 1965 e a expressão remete ao período em que os líderes liberais da América Latina constituíram as nações do continente e lutaram no movimento de independência dos países sul-americanos que eram colonizados por Espanha e Portugal.

Personalidades como Simón Bolívar, Dom Pedro I, José Bonifácio e Thomas Cochrane foram homenageados como heróis de uma região que hoje também sofre com a crise financeira e com a impossibilidade de oferecer um torneio mais democrático em relação ao alcance.

Detentora de uma parcela dos direitos, a TV Globo decidiu rescindir o contrato firmado com a Conmebol por não ter obtido sucesso na renegociação dos valores.

Isso em decorrência da alta do dólar e a queda de receitas citados como motivos pela ruptura unilateral, como publicado pelo UOL e pela Folha de São Paulo.

Com a saída da Globo e de seus canais como o SporTV da grade envolvendo o torneio sul-americano, o SBT acabou assumindo o compromisso da TV aberta até 2022.

 

 

Conmebol TV

Assim, para resolver o problema relacionado com a falta de acordo dentro da TV fechada, a Conmebol resolveu firmar parceria junto ao grupo Bandeirantes para produzir e programar a Conmebol TV.

Dessa forma, o canal de formato pay-per-view é disponibilizado para as operadoras Claro e Sky com acesso determinado no valor de R$ 39,90 por mês para o assinante acompanhar alguns jogos da Libertadores, todos os jogos da Copa Sul-Americana e da Recopa Sul-Americana.

Portanto, o novo canal, exclusivo para a transmissão dos jogos continentais e com a possibilidade de ser acessado de forma online num futuro próximo, surge numa época em que o meio digital ganha relevância e funcionalidade.

O Facebook já havia feito um acordo com a Conmebol desde 2019 para a transmissão de alguns jogos do torneio na América do Sul.

O Brasil teve 27 jogos transmitidos exclusivamente no Facebook Watch, no compromisso que segue até 2022.

Na mesma linha, o SBT expandiu o seu alcance para as plataformas digitais.

Assim, as partidas podem ser acompanhadas através da internet, no site oficial da emissora paulista, sem a habitual restrição por praça que segue praticada nas transmissões televisionadas.

Se os momentos de crise geram o nascimento de novas ideias e levam à reinvenção, os direitos de transmissão de eventos futebolísticos são um bom exemplo de como o mercado pode mudar dentro da situação sanitária atual que todo o mundo vive.

Notícias relacionadas

ENFOQUE JORNAL E EDITORA © TODOS OS DIREITOS RESERVADOS

desenvolvido por:
Este site usa cookies para personalizar conteúdo e analisar o tráfego do site. Conheça a nossa Política de Cookies.