Pelo bicampeonato, Santos recebe São Caetano | Boqnews

Esportes

12 DE DEZEMBRO DE 2008

Siga-nos no Google Notícias!

Pelo bicampeonato, Santos recebe São Caetano

Em 2007, o Santos começou perdendo a final do Campeonato Paulista para o São Caetano. Na partida de volta, por sua vez, venceu, conquistou o bicampeonato estadual e de quebra fez com que o grito “Santos, o time da virada; Santos, o time do amor” ficasse ainda mais em evidência. Neste sábado (13), às 19 […]

Por: Da Redação

array(1) {
  ["tipo"]=>
  int(27)
}

Em 2007, o Santos começou perdendo a final do Campeonato Paulista para o São Caetano. Na partida de volta, por sua vez, venceu, conquistou o bicampeonato estadual e de quebra fez com que o grito “Santos, o time da virada; Santos, o time do amor” ficasse ainda mais em evidência.


Neste sábado (13), às 19 horas, em Ulrico Mursa, o time Júnior do Peixe tem a chance de repetir o feito do profissional no ano passado, novamente em uma final de Paulistão (agora, o Sub-20), novamente atrás no placar, novamente contra o São Caetano e, por fim, novamente na luta pelo bicampeonato.


Na partida de ida, o Azulão se aproveitou da chuva, que limitou a velocidade santista e, em contra-ataques, especialmente pelo lado esquerdo, de onde surgiram dois dos três tentos da equipe do ABC no confronto, superaram o Alvinegro Praiano por 3 a 2. O destaque da partida foi o atacante João Paulo, que saiu do banco de reservas para fazer os dois gols que decretaram a virada do time da casa frente aos santistas.


A equipe do ABC tem como trunfos o fato de ter o melhor ataque do certame, com 64 gols marcados, e a melhor defesa, com apenas 20 sofridos. Desses tentos, 14 são de João Paulo, matador da equipe e do Paulista ao lado de Paraíba, do Mirassol. O treinador Dino Camargo já afirmou que não vai fechar o time totalmente na defesa, e também não confirmou a titularidade de seu artilheiro.


“Confiamos muito nesse jogador, mas não é o fato de marcar dois gols em um jogo que define a titularidade. O futebol tem que mudar em relação à titularidade, pois não pode ser da forma que as pessoas pensam. No entanto, o time ganha em padrão de jogo com a seqüência de partidas”, explica.


Já na Vila Belmiro, a esperança é total, já que uma simples vitória leva o Santos ao bicampeonato. Missão relativamente mais “leve” que a do profissional, que precisava marcar, ao menos, dois gols no time do ABC em 2007.


Ainda assim, a equipe sabe da dificuldade que é encarar o São Caetano. Afinal, em quatro confrontos entre as duas equipes, cada equipe tem uma vitória e ocorreram dois empates, sendo que, em um deles, o Peixe superou o Azulão na disputa de pênaltis. Curiosamente, também foi em uma final de campeonato: a dos Jogos Regionais.


O destaque santista atende pelo nome de Overath Breitner. Nascido em Barcelona, na Venezuela, é naturalizado brasileiro e é o grande nome do time Júnior alvinegro na temporada, tendo sido um dos heróis da conquista do Torneio Cidade de Turim, onde fez o gol do título (aliás, bicampeonato).


No jogo passado, foi responsável pelas duas assistências a gols santistas, além de ser o artilheiro do Santos na competição, com 11 gols marcados. Vale lembrar que Breitner é um dos prováveis “seis jogadores” que estarão no elenco profissional para 2009.

Notícias relacionadas

ENFOQUE JORNAL E EDITORA © TODOS OS DIREITOS RESERVADOS

desenvolvido por:
Este site usa cookies para personalizar conteúdo e analisar o tráfego do site. Conheça a nossa Política de Cookies.