ETC
etc

Bienal de São Paulo começa nesta semana

O principal evento internacional de artes realizado no Brasil começa no próximo sábado (25), com aporte do governo federal de…

20 de setembro de 2010 - 13:39

Da Redação

Compartilhe

O principal evento internacional de artes realizado no Brasil começa no próximo sábado (25), com aporte do governo federal de aproximadamente R$ 46 milhões, através da Lei de Incentivo à Cultura e do Fundo Nacional de Cultura (FNC).


A 29ª Bienal de São Paulo segue até o dia 12 de dezembro, recebendo 850 obras, de 159 artistas.  “A Bienal de São Paulo é ponto de referência para a história da arte no século 20, num arco que vai da Bienal de Veneza até a Documenta de Kassel”, afirma o ministro da Cultura Juca Ferreira, destacando a relevância da exposição no cenário mundial.


“Juntamente com essas outras duas grandes mostras sazonais, forma um enlace da rede mundial de curadorias e conceitos que enreda a opinião pública num debate sobre o sentido e a atualidade de uma tradição da contemporaneidade”, completa.
 
Para o ministro, esta 29ª edição será importante para a redefinição de escala e importância do evento. “A Bienal retoma seu projeto de ser uma plataforma de trocas de conhecimento, de economia criativa e fomento de redes globais, assim como de pesquisa de conceitos e de produção artística. Se ela é o lócus para o intercâmbio entre várias gerações e tradições, tanto quanto exerce funções cruciais no desenvolvimento das artes visuais e da economia da cultura brasileira, merece prioridade nas políticas públicas, principalmente neste ciclo de internacionalização que estamos vivendo”, avalia.
 
Heitor Martins, presidente da Fundação Bienal de São Paulo, ressalta que o papel da Bienal não se restringe ao meio artístico. “Embora o eixo da Bienal seja dado pela arte, seu impacto se faz sentir no campo da educação, da cidadania e da economia. O apoio incisivo que a Bienal vem recebendo do Ministério da Cultura, assim como da Prefeitura de São Paulo, das empresas patrocinadoras e da sociedade civil, resulta justamente do entendimento desse impacto ampliado. Uma Bienal forte e representativa interessa a toda a sociedade, na medida em que permite que nossa cidade se posicione como um dos grandes polos mundiais de arte contemporânea, gerando riqueza, progresso e benefícios materiais e simbólicos para todos”, finaliza.
 
Serviço:
Local: Parque do Ibirapuera, Portão 3, sem número
www.fbsp.org.br
Entrada gratuita

LEIA TAMBÉM: