Segurança Pública

À la Leão da Montanha

18 de junho de 2019 - 17:07

Da Redação

Compartilhe

 

Sem querer se comprometer com promessas e avisando que estava com pressa para assistir ao jogo (entre Chile e Japão, com vitória da equipe sul-americana pro 4 a 0), o secretário estadual de Segurança Pública, general João Camilo Pires de Campos, simplesmente conseguiu irritar e frustar a todos os vereadores que o aguardavam na sala da presidência do Legislativo na tarde de segunda (17).

E não foi apenas o atraso de mais de meia hora para o encontro com os edis.

Afinal, anunciado com pompa, o registro foi uma verdadeira frustração coletiva.

Não sobraram críticas na sessão do Legislativo.

Campos apenas disse que estudaria todas as reivindicações dos vereadores, como a reforma do Palácio da Polícia, na Avenida São Francisco; a reclassificação da Delegacia da Mulher (nível 2 para 1) e até a falta de efetivo do Corpo de Bombeiros. No entanto, não deu garantias de que algo mudará.

Pelo menos, em breve.

Motivo: não há dotação orçamentária.

Não faltaram indagações dos vereadores sobre a segurança no Caruara, na área continental de Santos, além do futuro do IML – Instituto Médico Legal e também as condições do 5º DP, com superlotação de presos.

Na prática, porém, o secretário deu uma de Leão da Montanha, personagem do clássico desenho da Hanna-Barbera. Ou seja, saída pela esquerda.

Ou pela direita.

Dependia apenas do ângulo onde a porta estava para que ele pudesse retornar à Capital a tempo de assistir a tão aguardada pelota internacional.  

LEIA TAMBÉM: