Economia

13º deve aquecer as vendas natalinas do comércio vicentino

Ticket médio dos consumidores é de R$490,00; dentre os produtos mais procurados estão roupas, calçados, eletrônicos e artigos natalinos

29 de novembro de 2020 - 12:27

Da Redação

Compartilhe

Faltando apenas algumas semanas para o Natal, o maior corredor de compras da Baixada Santista já se prepara para o aumento no volume de comercialização da época mais esperada do ano, que é uma das mais importantes para o varejo.

A Associação Comercial de São Vicente (ACSV) estima uma alta de 10% nas vendas natalinas, com ticket médio de R$490,00.

A previsão de aumento é baseada em alguns fatores como o pagamento do 13° salário, o auxílio emergencial e o retorno gradual do comércio. A principal busca é por roupas, calçados, eletrônicos e artigos temáticos.

Segundo o presidente da ACSV, Alcides Antoneli, a data é sempre benéfica para a economia vicentina.

E deve, portanto, ser um grande passo para a retomada econômica.

“Ano passado as vendas natalinas injetaram R$ 154 milhões na economia local. É esperado que as vendas deste ano sejam superiores, o que pode significar um grande avanço para o município”.

As lojas vicentinas já preparam o estoque e até expandiram o quadro de funcionários, é o que conta o gerente da loja Besni, Rogério Faria, “os preparativos estão acontecendo, admissão de 100% do quadro atual, mercadorias chegando, funcionários novos motivados pela oportunidade”, e completa, “a empresa está estruturando o setor de e-commerce para alcançar novos horizontes”.

Cerca de 62% dos consumidores utilizarão ferramentas online para fazer as compras de Natal neste ano.

LEIA TAMBÉM: