Foto: Divulgação

Santos

02 DE NOVEMBRO DE 2021

Celebração dos 30 anos marca o retorno do Cine Arte Posto 4 em Santos

Charmosa sala pública de cinema que tem o ‘pé na areia’ está de volta

Por: Da Redação

array(1) {
  ["tipo"]=>
  int(27)
}

A charmosa sala pública de cinema que tem o ‘pé na areia’ está de volta e o retorno não poderia ser mais simbólico.

A comemoração pelos 30 anos do Cine Arte Posto 4 (orla do Gonzaga, próximo ao Canal 3) começa a partir da próxima sexta-feira (5), às 19h30. Nesta data haverá uma sessão especial, realizada ao ar livre, no piso superior do ‘postinho’, como o local é carinhosamente chamado pelos seus frequentadores.

A programação, que também celebra a primeira exibição pública de cinema no Brasil, tem como atração os documentários ‘Lumière a Beira Mar: Uma História do Cine Arte Posto 4’, que tem sua estreia nacional, e ‘Chorão: Marginal Alado’.

No sábado (6), também às 19h30, a sessão segue no piso superior com a exibição de ‘Lumière a Beira Mar: Uma História do Cine Arte Posto 4’ e ainda ‘Asas do Desejo’, drama dirigido por Wim Wenders, que foi exibido na inauguração do Cine Arte, em 1991.

As sessões serão gratuitas durante estes dois dias. Com capacidade limitada ao número de assentos, a retirada de ingressos ocorrerá meia-hora antes do início de cada exibição. Em caso de chuva, as exibições serão transferidas para a sala de projeção.

De domingo (7) até o dia 17 de novembro, às 16h e 20h, as projeções retornam normalmente à sala Rubens Ewald Filho, com exibição do filme ‘Meu Pai’, filme que rendeu a Anthony Hopkins o prêmio de melhor ator na 93ª edição do Oscar e que conta a história de um idoso que se recusa a receber ajuda de sua filha.

De mudança, ela precisa garantir os cuidados dele enquanto estiver fora e busca encontrar alguém para cuidar do pai. Ao tentar compreender a situação, o homem começa a duvidar de seus entes queridos, de sua própria mente e até mesmo da estrutura da realidade.

Antes de cada sessão será exibido o documentário ‘Lumière a Beira Mar’.

Os ingressos custam R$ 1,50 (meia) e R$ 3,00 (inteira). A abertura da bilheteria ocorre meia hora antes do início das sessões. Os protocolos para solicitados no Plano São Paulo serão adotados, do passaporte da carteira de vacinação (em papel ou online) e o uso obrigatório de mascara durante toda sessão.

Inaugurado em 8 de novembro de 1991, o Cine Arte Posto 4, mantido pela Secretaria de Cultura (Secult), é um espaço reservado aos filmes de arte produzidos em diversos países. Criado para suprir a falta de espaço reservado à exibição deste tipo de obra, o local rapidamente se tornou referência como ponto cultural. Sua sala de projeção recebeu o nome de Rubens Ewald Filho, em homenagem ao famoso crítico santista.

Sexta feira (5) – 19h30 | Parte superior do Cine Arte 
‘Lumière a Beira Mar: Uma história do Cine Arte Posto 4’  e ‘Chorão: Marginal Alado’
Entrada gratuita. Retirada de ingressos: meia-hora antes do início da sessão na bilheteria (capacidade limitada ao número de assentos). Em caso de chuva, as exibições serão transferidas para a sala Rubens Ewald Filho.

Sábado (6) – 19h30 | Parte superior do Cine Arte
‘Lumière a Beira Mar: Uma história do Cine Arte Posto 4’ e ‘Asas do Desejo’
Entrada gratuita. Retirada de ingressos: meia-hora antes do início da sessão na bilheteria (capacidade limitada ao número de assentos). Em caso de chuva, as exibições serão transferidas para a sala Rubens Ewald Filho.

De 7/11 a 17/11 – 16h e 20h | Sala Rubens Ewald Filho
‘Lumière a Beira Mar: Uma história do Cine Arte Posto 4’ e ‘Meu Pai’
Ingressos: R$ 1,50 (meia) e R$ 3,00 (inteira).
Abertura da bilheteria: meia-hora antes do início das sessões.

Notícias relacionadas

ENFOQUE JORNAL E EDITORA © TODOS OS DIREITOS RESERVADOS

desenvolvido por:
Este site usa cookies para personalizar conteúdo e analisar o tráfego do site. Conheça a nossa Política de Cookies.