Polícia

27 DE JULHO DE 2021

Entre fatias de pão de forma, aparelhos celulares e chips são encontrados

Foram encontrados entre as fatias de um pão de forma, dois celulares e dois chips de telefonia. Em SV, casal é detido com drogas e dinheiro.

Por: Da Redação

A equipe de segurança do Centro de Detenção Provisória (CDP) ASP Charles Demitre Teixeira de Praia Grande, no litoral paulista, impediu a entrada de itens eletrônicos na unidade prisional.

O flagrante aconteceu durante a vistoria dos itens enviados por familiares de presos.

Servidores encontraram camuflados entre as fatias de um pão de forma, dois celulares e dois chips de telefonia.

A mãe de um detento tinha a intenção de entrar com os produtos no CDP

Como resultado, o detento está em cela disciplinar.

Além disso, o material apreendido levado para a delegacia de polícia da cidade para registro de boletim de ocorrência e providências legais.

Casal surpreendido

A Polícia Civil prendeu, na noite da última segunda-feira (26), uma mulher, de 29 anos, e um homem, de 21.

O casal tinha grande quantidade de drogas, além de arma, munições, documentos falsos e outros objetos usados para o crime.

O flagrante aconteceu no bairro Gonzaguinha, em São Vicente, no litoral sul de São Paulo.

Equipes da 2ª Delegacia de Investigações Sobre Entorpecentes (Dise), da Divisão Especializada de Investigações Criminais (Deic) de Santos realizaram o trabalho.

O setor realizava diligências para coibir o tráfico na região.

Na ocasião, identificou uma mulher que praticava crimes em seu apartamento.

Diante do conjunto probatório apresentado pela Polícia Civil, o Poder Judiciário expediu mandado de busca a apreensão para o imóvel da suspeita.

Os agentes se deslocaram até o endereço para cumprimento das ordens.

Assim, se depararam com o casal tentando fugir do local.

O jovem ainda tentou se desfazer de uma mochila.

No entanto, a mulher acatou a voz de parada.

Por sua vez,  o jovem ainda tentou escapar.

No entanto, policiais o detiveram dentro do mar.

Assim, dentro da bolsa estavam drogas.

Em seguida, as equipes se dirigiram até o apartamento dos suspeitos onde foram localizados mais materiais ilícitos.

Quantidade

Afinal, ao todo, 65 porções de maconha, 1.798 de cocaína, 87 de crack e ainda uma porção de insumo estavam disponíveis para venda.

Além das substâncias, que já estavam individualizadas para venda, um notebook foi apreendido.

E ainda diversos documentos falsos – cartões bancários e identidades com qualificações diversas contendo as fotos dos suspeitos.

Na busca, três aparelhos de telefone celular e um revólver calibre 38 acompanhado de 19 munições do mesmo calibre e 5 munições de calibre .40 foram descobertos.

E ainda: máquinas de cartão, balanças de precisão, faca.

E também: cerca de mil cápsulas vazias e anotações relacionadas à movimentação financeira proveniente do tráfico.

Assim, os materiais foram encaminhados ao Instituto de Criminalística (IC) para perícia e auxiliarão nas próximas etapas da investigação.

Dessa forma, os acusados receberam o indiciamento por tráfico de drogas, falsificação de documento público e posse ilegal de arma de fogo de uso restrito.

Assim, as diligências prosseguem para apurar os demais crimes cometidos pelo casal através do uso dos documentos falsos.

Notícias relacionadas

ENFOQUE JORNAL E EDITORA © TODOS OS DIREITOS RESERVADOS

desenvolvido por:
Este site usa cookies para personalizar conteúdo e analisar o tráfego do site. Conheça a nossa Política de Cookies.