cidades

Cinco casos confirmados em Santos e sete óbitos sob investigação

Santos investiga sete óbitos ocorridos em estabelecimentos de saúde do Município, sendo quatro de residentes locais e três de outras cidades

24 de março de 2020 - 21:07

Da Redação

Compartilhe

O Centro de Vigilância Epidemiológica (CVE), do Governo do Estado, reconheceu, nesta terça-feira (24), cinco resultados de exames que testaram positivo para coronavírus informados por laboratório particular da Cidade, sendo quatro deles em residentes de Santos.

O CVE informou à Secretaria Municipal de Saúde (SMS) que os quatro casos de Covid-19 notificados na segunda-feira (23), por laboratório particular do Município, foram reconhecidos e não será necessária a realização de contraprovas do Instituto Adolfo Lutz (IAL).

Desta forma, fazem parte das estatísticas oficiais do País.

Dos quatro casos, três deles são de moradores de Santos (homens de 39 anos, 50 anos e 80 anos de idade). O outro se refere a uma de mulher residente de Palmeira dos Índios, Alagoas (26 anos).

Nenhum deles está internado.

Um novo caso foi notificado, nesta terça-feira (24), pelo mesmo laboratório à Seção de Vigilância Epidemiológica (Seviep).

Trata-se de um homem de 71 anos, morador de Santos, que realizou viagem recente para Dubai e está em isolamento social domiciliar.

Um quinto caso da doença entre residentes também foi informado nesta terça (24): um homem de 39 anos que passou por unidade de pronto atendimento na cidade de São Paulo, mas não precisou de internação hospitalar e está em isolamento social domiciliar.

As amostras do paciente foram analisadas por laboratório particular reconhecido pelo Ministério da Saúde para o diagnóstico de Covid-19.

 

Descartados

Nesta terça-feira, o Município também recebeu dois descartes da doença do Instituto Adolfo Lutz (IAL), laboratório de referência do governo estadual.

Agora, são 25 casos descartados após análises.

 

Mudanças

A classificação de casos suspeitos sofreu alterações por orientações do Ministério da Saúde devido à transmissão comunitária da doença.

Desde o início desta semana, somente são colhidas amostras de pacientes internados e de profissionais de saúde.

Estes os dois públicos monitorados pelos setores de Vigilância Epidemiológica como casos suspeitos.

Os casos leves atendidos em unidades básicas e outros serviços de saúde que não precisarem de internação hospitalar, nem forem de profissionais de saúde, serão notificados como casos de síndrome gripal, conforme orientação do Governo do Estado.

Com estas atualizações, há 170 casos suspeitos entre residentes de Santos, número que diminuirá conforme chegarem os resultados das amostras sob análise no IAL.

 

Óbitos

A Seviep de Santos investiga sete óbitos ocorridos em estabelecimentos de saúde do Município, sendo quatro de residentes de Santos e três de outras cidades, por suspeita de Covid-19.

O caso mais recente é o de homem de 61 anos, morador de São Vicente, que faleceu na noite de segunda-feira (23) na UPA Central.

As amostras colhidas do paciente na unidade serão analisadas pelo IAL para confirmar ou descartar o diagnóstico.

Os outros óbitos de santistas que já estavam sendo apurados são: homem de 62 anos que estava internado na UPA da Zona Noroeste e morreu na última quarta (18);

E ainda: duas mulheres, de 41 anos e 80 anos, que também faleceram no dia 18, em hospital filantrópico;

Também um homem de 76 anos que faleceu, neste domingo, (22) em hospital filantrópico.

Já os óbitos de moradores de outras cidades são o da gestante de 43 anos que faleceu em hospital estadual no domingo (22) e da mulher de 84 anos que foi a óbito, em hospital particular, no sábado (21).

 

Casos confirmados (laboratórios reconhecidos): 6 (5 residentes)

Casos suspeitos em investigação: 170 (129 em isolamento social domiciliar)

Total de internações: 41 (19 em UTIs)

Casos descartados: 25 (até 24/03)

Óbitos em investigação: 7 (4 de residentes de Santos)

LEIA TAMBÉM: