Suprapartidária

16 DE SETEMBRO DE 2021

Deputado Paulo Correa defende frente política em prol da Baixada Santista

Paulo Correa Jr defende a união de políticos e empresários em busca de um frente para atrair investimentos e gerar novos empregos na Baixada Santista na pós-pandemia

Por: Fernando De Maria

array(1) {
  ["tipo"]=>
  int(27)
}

Unir deputados, prefeitos, vereadores e Agem – Agência Metropolitana por uma luta comum: a defesa dos interesses da Baixada Santista.

Este foi um dos pontos defendidos pelo deputado estadual Paulo Correa Jr (DEM) durante participação no Jornal Enfoque – Manhã de Notícias de hoje (16)

Correa defendeu a união coletiva para buscar alternativas para o desenvolvimento da região no pós-pandemia.

Ele terá um encontro nos próximos dias com o prefeito de Santos e presidente do Condesb, Rogério Santos, para acertar detalhes desta frente.

“Eu estou à disposição desta união”, salientou.

Portanto, um dos pontos em destaque é a retomada de investimentos e empregos a medida que a epidemia começa a dar sinais de queda de casos e mortes.

Afinal, a despeito do crescimento de empregos no Estado, com 2,3% no primeiro trimestre em relação ao mesmo período anterior, a Baixada Santista obteve alta bem menor.

Apesar de vagas, a Baixada Santista foi a terceira que menos empregos gerou em termos percentuais.

Assim, de cada 100 empregos no Estado  de São Paulo, a região responde por 2,7, totalizando 337.797 empregados formais.

A Baixada tem 4% da população e eleitores no estado.

Ao todo, foram 2.950 postos de trabalho a mais, 0,9% do total.

De qualquer forma, bem abaixo da média para o segundo trimestre – de 1,5% – e na geração de novos empregos – elevação de 6,5%.

Assim, crescimento de 0,9% no total de vagas da região na comparação com o trimestre anterior só superou três regiões.

Mas se levar em consideração a comparação entre os segundos trimestre de 2020 e 2021, a Baixada Santista é a que registrou a menor taxa de crescimento, de 3,5%. (leia mais aqui).

 

 

Entrevistado pelo jornalista Francisco La Scala, o deputado Paulo Correa defendeu esta frente ampla em prol da Baixada Santista. Foto: Carla Nascimento

Outros temas

Durante o programa, apresentado pelo jornalista Francisco La Scala Jr, Correa falou sobre sucessão presidencial.

“Não acredito em 3ª via”, destaca.

Conforme o parlamentar, a disputa em 2022 ficará entre o atual presidente Jair Bolsonaro e o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva.

Eleitor de Bolsonaro, ele se considera independente na Assembleia Legislativa, apesar de fazer parte – por enquanto – do DEM, partido a qual foi convidado pelo atual vice, Rodrigo Garcia, agora no PSDB.

Assim, em São Paulo, ele assegura que irá apoiar o ex-governador Geraldo Alckmin, que deve deixar o PSDB e entrar no PSD.

Por sua vez, não garante a sua  permanência no DEM, que deve se fundir ao PSL, cuja divulgação deverá ocorrer na próxima terça (21).

“Antes de tomar qualquer posição preciso saber o que mudará com esta fusão”, salientou.

Dessa forma, Correa salientou que tentará sua reeleição em busca de um terceiro mandato.

 

Programa completo

 

Notícias relacionadas

ENFOQUE JORNAL E EDITORA © TODOS OS DIREITOS RESERVADOS

desenvolvido por:
Este site usa cookies para personalizar conteúdo e analisar o tráfego do site. Conheça a nossa Política de Cookies.