Em 2022, mutirões já eliminaram mais de mil focos com larvas de mosquito | Boqnews
Foto: Marcela Martins/PMS

Santos

05 DE MAIO DE 2022

Em 2022, mutirões já eliminaram mais de mil focos com larvas de mosquito

Em 2022, Santos registra 51 casos de dengue e 35 de chikungunya

Por: Da Redação

array(1) {
  ["tipo"]=>
  int(27)
}

Apenas no ano de 2022, os 15 mutirões realizados pela equipe da Seção de Controle de Vetores de Santos (Secove) para combater o Aedes aegypti já eliminaram 1.045 focos com larvas do mosquito. A marca foi alcançada nesta quarta-feira (4), em ação no bairro Campo Grande. O mosquito Aedes aegypti é o transmissor da dengue, chikungunya, zika e febre amarela urbana.

Outros focos com larvas de mosquito também são eliminados nas vistorias regulares, como as do Programa Casa a Casa e as visitas mensais a pontos estratégicos (ferros velhos, obras etc.) e imóveis especiais (onde há grande fluxo de pessoas, como hotéis, escolas e centros comerciais).

“Percebemos que os focos se encontram quase sempre nos mesmos locais, em especial ralos externos, latas, vasos e pratos de plantas, recipientes para água de animal de estimação e baldes. Pedimos atenção aos munícipes para que estejam sempre alertas, eliminando qualquer resíduo de água parada e, no caso dos ralos, aplicando água sanitária com regularidade”, afirma Ana Paula Favoreto, chefe de atividades técnicas da Secove.

Na ação desta quarta (4) no Campo Grande, 68 agentes de combate às endemias visitaram 2.544 imóveis, com a remoção de 50 focos com larvas de mosquito. A Terracom retirou materiais inservíveis que acumulam água. A equipe de Informação, Educação e Comunicação (IEC) abordou os munícipes, com distribuição de materiais informativos, dentro da policlínica do bairro (Projeto Sala de Espera).

Em 2022, Santos registra 51 casos de dengue e 35 de chikungunya.

Notícias relacionadas

ENFOQUE JORNAL E EDITORA © TODOS OS DIREITOS RESERVADOS

desenvolvido por:
Este site usa cookies para personalizar conteúdo e analisar o tráfego do site. Conheça a nossa Política de Cookies.