Turismo

Grande presença de turistas anima setores hoteleiro e comercial

Entre o período de 28 de dezembro a 1º de janeiro, cerca de 500 mil turistas vieram para Santos

13 de janeiro de 2020 - 09:00

Felipe Rey

Compartilhe

A temporada de verão já começou e com isso as cidades se esforçam para atender melhor os turistas e moradores na Baixada.

Em Santos, a ‘invasão’ de viajantes no período de festas de final de ano mostrou a perspectiva de bons resultados para o comércio.

De acordo com os dados da Secretaria de Turismo (Setur), cinco hotéis obtiveram 100% da ocupação máxima no período das festas, sete com mais de 90% e três com cerca de 80% da capacidade ocupada.

Somente no Réveillon, segundo a Prefeitura, os hotéis tiveram, em média, 92% de ocupação, com 1.965 quartos utilizados por turistas.

Apesar de favoráveis, esses índices ainda são menores do que os registrados em 2018-2019. À época, a ocupação dos hotéis alcançou 95%.

O Executivo, por meio de nota, destacou que todos os pontos turísticos obtiveram um aumento de frequência em relação ao ano anterior.

A Ecovias, concessionária que administra o Sistema Anchieta-Imigrantes, também registrou o aumento da demanda.

No total, 188 mil veículos desceram a serra rumo a Santos entre os dias 28 e 1º de janeiro.

Conduzindo, portanto, cerca de 500 mil turistas à Cidade.

Apesar de não ter informações sobre o tempo de permanência média dos turistas na Cidade, a Prefeitura salienta que muitos hotéis estão oferecendo pacotes de um ou dois dias antes ou depois dos cruzeiros.

A Bolsa do Café, no Centro Histórico, é um dos pontos favoritos dos turistas e moradores. Foto: Nando Santos

 

Dados positivos

O otimismo também se reflete no Sindicato de Hotéis, Restaurantes, Bares e Similares (SinHores).

De acordo com o presidente da entidade, Heitor Gonzalez, a temporada de verão traz otimismo para a categoria.

Pois há uma grande movimentação nos hotéis fazendo, assim, com que haja ocupação total dos apartamentos. Contudo, ele faz uma ressalva.

“É importante entender a necessidade de fomentar o turismo o ano todo, com a realização de eventos que atraiam o turismo de lazer e negócios”.

Por outro lado, o terminal de passageiros do Concais informou que durante a última temporada passaram pelo local mais de 600 mil passageiros entre embarque, desembarque e trânsito.

Contudo, as expectativas são que os resultados sejam ainda melhores neste ano.

“Esperamos a movimentação de 288 mil passageiros em embarque. O que representa um aumento de 1,3 % em relação à temporada passada”, diz a empresa, por meio de nota.

Em relação a embarques, desembarques e trânsito são esperados o movimento de 627 mil turistas, aumento de 3,8% em relação a temporada 2018/2019.

 

 

Arte: Mala

 

Variações

Uma das atrações mais procuradas durante o período de festas, o Memorial de Conquistas do Santos Futebol Clube registrou dados positivos em relação ao ano passado e também durante o período de festas.

No período, 1.323 pessoas passaram pelo local.

De acordo com o coordenador do Memorial das Conquistas, Alex Fernandes, existem algumas variáveis que interferem de maneira direta no número de visitantes.

Sejam os jogos na Vila Belmiro ou o andamento do time dentro das quatro linhas.

Os fatores econômicos do País e a temporada de cruzeiros também aumentaram a frequência da demanda no Memorial.

Para ele, o resultado do time em campo se reflete no volume de turistas.

“Se o time está bem, tenho uma maior procura de sócios e torcedores visitando a Vila. Um título faz com que as visitas aumentem absurdamente”, afirma.

Segundo Fernandes, a média diária de visitação do local é de cerca de 150 pessoas.

Ao todo, no ano passado, 47.213 pessoas visitaram a sede de troféus santistas. A estimativa para este ano é de 50 mil pessoas.

O coordenador, contudo, salienta a importância deste período para o aumento das demandas no local.

“O período de festas de final de ano são altamente lucrativos. Devemos receber cerca de 800 visitantes em apenas um dia”, destacou. Em 2019, o Memorial obteve uma receita de R$ 860 mil.

LEIA TAMBÉM: