Guarujá

Guarujá segue vacinação contra a gripe e sarampo até o dia 31 de agosto

Para se vacinar, basta comparecer a um dos 20 postos de vacinação, entre UBSs e Usafas, que estão abertas de segunda a sexta-feira, das 9 às 15 horas

04 de agosto de 2020 - 10:34

Da Redação

Compartilhe

As campanhas de vacinação contra a gripe (Influenza vírus H1N1, A e B) e sarampo continuam em Guarujá, ambas com término previsto para o próximo dia 31. Segundo a meta de 90% preconizada pelo Ministério da Saúde, ainda devem ser imunizados contra a gripe, no Município, os grupos prioritários de crianças de 6 meses a menores de 6 anos (74%), gestantes (83%) e adultos de 55 a 59 anos (59%). Apesar disso, a dose está disponível para a população em geral.

Até o momento, 131.603 pessoas foram imunizadas contra a gripe em Guarujá.

A Cidade atingiu 90% da cobertura para idosos, profissionais da saúde, pessoas com comorbidades, professores e puérperas (mulheres em período pós-parto).

Sarampo

Já a vacina tríplice viral, que protege contra o sarampo, rubéola e caxumba, é voltada para pessoas com idade entre 6 meses e 49 anos; que terão a carteira de vacinação avaliada pelos profissionais da saúde.

A contra-indicação da vacina contra o sarampo é para gestantes, bebês com menos de 6 meses e pessoas imunodeprimidas. Até o momento, 1.192 pessoas foram imunizadas.

Com início no dia 15 de julho, a campanha contra o sarampo visa atingir o público de 1 a 29 anos que ainda não recebeu as duas doses previstas no Calendário Nacional de Vacinação, que serão aplicadas com o intervalo de 30 dias entre elas, para quem ainda não tomou nenhuma. Aqueles que já receberam a primeira dose poderão tomar a segunda. Já os imunizados com as duas doses, não precisam se vacinar novamente.

Para a população de 30 a 49 anos é indicada uma dose, seja qual for a marcação da carteira de vacinação. Já os bebês de 6 meses a 1 ano devem receber a ‘dose zero’, que não é contabilizada no calendário vacinal, mas é recomendada devido à circulação do vírus.

Para se vacinar contra a gripe ou o sarampo, basta comparecer a um dos 20 postos de vacinação, entre Unidades Básicas de Saúde (UBSs) e Unidades de Saúde da Família (Usafas), que estão abertas de segunda a sexta-feira, das 9 às 15 horas. É necessário levar um documento com foto e a carteira de vacinação (se tiver).

Conforme recomendado por órgãos oficiais de Saúde. Os profissionais utilizam Equipamentos de Proteção Individual (EPI’s) e seguem todos os protocolos de higiene e segurança, que estão sendo tomados para evitar a propagação do novo coronavírus.

Balanço das campanhas

Até o momento, Guarujá imunizou contra a gripe 131.603 pessoas. Entre elas, 126 com deficiência e 16.095 sem comorbidades. Quanto aos trabalhadores da defesa e segurança, 2.680 receberam a dose; e dos trabalhadores portuários, 2.607 pessoas foram vacinadas. Além desses, caminhoneiros somam 1.073 imunizados e mais 239 funcionários do sistema prisional.

Já contra o sarampo, 1.432 pessoas com idade entre 6 meses a 29 anos compareceram às unidades de saúde de Guarujá. Porém, com base na avaliação na carteira de vacinação, apenas 663 precisaram ser vacinadas.

Dentro deste público, a faixa-etária mais imunizada é entre 1 e 4 anos, sendo 276 crianças; seguida de 6 a 11 meses (136), 15 a 19 anos (58), 25 a 29 anos (57), 10 a 14 anos (29) e 5 a 9 anos (20).

Já em relação ao público de 30 a 49 anos, 563 pessoas já foram imunizadas. Sendo a faixa-etária de 30 a 34 anos a mais imunizada, com 172 pessoas. Logo após vêm adultos de 35 a 39 anos (135), 45 a 49 anos (128) e 40 a 44 anos (128).

LEIA TAMBÉM: