Michel Teló fará show especial no aniversário de Itanhaém nesta terça | Boqnews

482 ANOS

22 DE ABRIL DE 2014

Michel Teló fará show especial no aniversário de Itanhaém nesta terça

Os ingressos serão trocados por um quilo de alimento não-perecível, que será revertido ao Fundo Social de Solidariedade

Por: Prefeitura de Itanhaém
Da Redação

array(1) {
  ["tipo"]=>
  int(27)
}

Para festejar os 482 anos de Itanhém, a segunda Cidade mais antiga do Brasil, celebrado nesta terça-feira (22), a 10° Festa do Peão de Itanhaém recebe Michel Teló como atração principal. Neste dia, os ingressos serão trocados por 1 quilo de alimento não-perecível, que será revertido ao Fundo Social de Solidariedade.

Com um repertório sertanejo popularmente conhecido, o artista promete agitar o público com sucessos como ‘Amiga da Minha Irmã’, ‘Ai, Se Eu Te Pego’ e ‘Humilde Residência’. E o sucesso meteórico não afetou a personalidade do artista, que mantém uma relação bem próxima com Itanhaém e o Litoral Paulista. Confiram a entrevista realizada pela prefeitura de Itanhaém abaixo:

Você surgiu de forma meteórica na mídia, impulsionado pelo hit que ecoou em todo o país e em várias partes do exterior. Como foi lidar com todo esse assédio da imprensa e do show business?
Michel Teló – No começo foi complicado. Ninguém está preparado para lidar com o sucesso tão repentino como foi. Eu não esperava toda aquela repercussão. Fiz aulas de inglês entre uma viagem e outra, algumas entrevistas deixava prontas e em outras levava intérprete. Foi confuso, mas aprendi demais.

Sua turnê atual traz que tipo de novidade em relação as que foram realizadas anteriormente?
Michel Teló – A turnê do CD “Sunset” tem várias coisas diferentes. O cenário é todo novo, onde os leds se movimentam. Além disso, eu faço um número durante o show, um medley com músicas de todos os ritmos, desde Guns´n Roses, tocando Missão Impossível, o Tema da Vitória (que ficou marcado com o inesquecível Ayrton Senna), música argentina, música árabe, japonesa, hits do momento. Tudo tocado na sanfona. É uma brincadeira que tenho feito prá mostrar o quão eclético pode ser o instrumento. Além disso, o repertório é todo novo, com músicas de sucesso, claro, mas com as canções do último DVD como “Amiga da Minha Irmã”, “Levemente Alterado” e as românticas “Maria” e “Se Tudo Fosse Fácil”.

Entre suas influências musicais, você cita Luiz Gonzaga e o grupo Raça Negra. Fale sobre como eles influenciaram na sua formação?
Michel Teló – Muitos músicos e artistas influenciaram na minha formação. Eles são exemplos de profissionalismo, de como se cuidar de uma carreira e de talento, claro. Admiro demais também Roberto Carlos e a dupla Chitãozinho e Xororó. São artistas que se dedicam totalmente ao trabalho.

Você se apresentou em Itanhaém em 2011. Que lembranças você guarda da Cidade?
Michel Teló – Muitas lembranças boas. É uma cidade bem estruturada e bonita, com monumentos históricos importantes. O povo de Itanhaém é muito animado e eu espero que eles se divirtam muito nesse show também. Quero colocar todo mundo prá dançar. Eu gosto muito do Litoral Paulista por causa do calor humano e da bela paisagem.

Que mensagem você gostaria de passar para o público de Itanhaém nesses 482 anos de fundação?
Michel Teló – Espero que a cidade continue progredindo cada vez mais e que o público se divirta muito em nosso show. Tenho certeza que todos vão se divertir.

Serviço
O show será realizado na arena montada na margem da Rodovia Padre Manoel da Nóbrega, altura do Km 326,5, no Jardim Cibratel. O evento tem o apoio da Prefeitura de Itanhaém. A programação completa e mais informações da 10ª Festa do Peão de Itanhaém no site oficial.

Notícias relacionadas

ENFOQUE JORNAL E EDITORA © TODOS OS DIREITOS RESERVADOS

desenvolvido por:
Este site usa cookies para personalizar conteúdo e analisar o tráfego do site. Conheça a nossa Política de Cookies.