Foto: João Pedro Bezerra

Santos

10 DE DEZEMBRO DE 2021

Obras do VLT avançam e prejudicam comerciantes do Macuco

Com quadras interditadas, comerciantes da Campos Melo viram o movimento de clientes despencar; alguns até mudaram de endereço

Por: Da Redação

array(1) {
  ["tipo"]=>
  int(27)
}

Os comerciantes da Rua Campos Melo têm enfrentado problemas desde o início das obras para a segunda fase do VLT.

A situação se agravou com o andamento dos trabalhos que já interdita completamente duas quadras da rua, localizada no bairro do Macuco.

Assim, só pedestres conseguem passar pela calçada. A principal reclamação da maioria dos comerciantes é que a obra afastou os clientes do local.

Irene Nascimento, proprietária de uma loja de brinquedos, conta que espera o ano todo pelo mês de dezembro.

Afinal com o Natal e o pagamento do 13º, o comércio tem um bom movimento, porém isso não irá acontecer em 2021. “Tivemos um período difícil com o comércio fechado por conta da pandemia, quando a vacinação em massa permitiu a flexibilização veio a obra do VLT. Eu não sei o que esperar do futuro, só quero uma melhora”, destacou Irene.

Marli Fernandes que trabalha em uma loja de roupa ressalta que muitos clientes não aparecem nos estabelecimentos, pois não há como estacionar, além das dificuldades de acesso.

“Com a rua fechada, quem vai querer vim comprar algo aqui”, citou Marli.

Já Milqueson Gonçalves, responsável por uma loja de sistemas de segurança, enfatiza que o barulho e a sujeira da obra causam incômodo no momento do trabalho, principalmente na concentração, haja visto que o som das máquinas fica presente durante quase todo o horário comercial.

Obras impactam no comércio/Foto: João Pedro Bezerra

Mudanças

Com o impacto das obras do VLT, muitos estabelecimentos estão saindo da Rua Campos Melo.

A Litoplast (comércio de embalagens), por exemplo, mudou para a Av, Conselheiro Nébias, em frente ao Hospital dos Estivadores, no bairro da Encruzilhada. Uma estação do VLT será instalada em frente ao imóvel onde funcionava o estabelecimento.

Quem também mudou de endereço foi a loja de materiais de construção, Tomara.

Segundo o responsável pelo estabelecimento, Daniel Tomaz, a mudança ocorrerá, pois com a obra não dará para os caminhões descarregarem a mercadoria. “

Imagina a dificuldade de descarregar sacos de cimento de um caminhão. Por isso, vamos para a Rua João Pessoa”, frisou. A via também receberá o VLT.

Loja sai da Rua Campos Melo/Foto: João Pedro Bezerra

Representante

De acordo com o representante da Associação de Moradores e Comerciantes da Campos Melo (Amoccam), José Resende, a identidade da rua foi quebrada. “Se com duas quadras fechadas o negócio está difícil, imagina quando a obra avançar”, citou.

Ele cita quem tem tentado o diálogo na Câmara de Santos para tentar diminuir os impactos para os comerciantes e moradores da Rua Campos Melo.

EMTU e São Paulo

Em nota, a EMTU salientou que o cronograma de obras está sendo cumprido normalmente.

“A fase atual inclui serviços de terraplanagem e melhoria de infraestrutura – drenagem e remanejamento das redes de esgoto e gás, de acordo com projetos aprovados anteriormente pelas respectivas concessionárias.

Na Rua Campos Melo, uma das frentes, a previsão é de liberação do tráfego de veículos em uma quadra ainda no primeiro trimestre de 2022. Conforme a obra avançar, outros trechos serão liberados”.

Além disso, a EMTU citou que com o objetivo de não interferir no movimento do comércio da rua Campos Melo nesse período pré-natalino, atividades como drenagem e remoção das redes de esgoto e gás estão suspensas até 3 de janeiro. Assim, as obras prosseguem em outras frentes.

Projeto

O segundo trecho do VLT conta com investimento de R$ 218 milhões do Governo do Estado e a previsão é que comece operar em fase de testes no final de 2022.

Com capacidade para transportar 35 mil pessoas/dia, ligará a Linha 1 Barreiros – Porto (a partir da estação Conselheiro Nébias) até o Centro de Santos. Serão oito quilômetros de extensão, com 14 estações.

Notícias relacionadas

ENFOQUE JORNAL E EDITORA © TODOS OS DIREITOS RESERVADOS

desenvolvido por:
Este site usa cookies para personalizar conteúdo e analisar o tráfego do site. Conheça a nossa Política de Cookies.