Meio Ambiente

ONG inicia pesquisa nos manguezais de SP neste sábado

ONG Ecologia em Movimento inicia neste sábado (7) agenda de estudos sobre poluição dos manguezais de SP

05 de novembro de 2020 - 18:00

Da Redação

Compartilhe

Neste próximo sábado (7) a Organização Ecomov inicia agenda de estudos sobre os manguezais de SP nas cidades de Praia Grande e Itanhaém. A programação começa as 9 horas nas duas cidades em mesmo tempo. Uma equipe de biólogos e técnicos estarão coletando materiais para uma pesquisa que vai se estender pelo litoral paulistas nas áreas de maior impacto de lixo doméstico.
A proposta é atualizar esses dados e encaminhar ao Ministério Público para construção de medidas de preservação e contenção de áreas mais críticas afirma Juliana Teixeira, Bióloga Responsável.
A agenda de sábado terá equipes em Itanhaém e Praia Grande neste sábado e dia 14 em São Vicente (Cidade Náutica) e Cubatão (Casqueiro).
O levantamento vem em base as visitas técnicas realizadas em Setembro no qual apontou uma grande influência de embalagens alimentares e lixo hospitalar entre os manguezais de São Vicente e Cubatão. Faremos uma breve análise correlacionando os dados até final do estudo que finaliza seu primeiro ciclo em novembro de 2021.

Resíduos Domésticos

Os materiais registrados nas visitas veem em comum ao aumento de uso de alimentos domésticos, prevalecendo embalagens alimentares as mais encontradas como pacotes de arroz, bolachas, potes de uso de diversos como margarina e marmitas. Essas embalagens causam muito risco ao manguezal e sendo ingeridas por animais marinhos que procuram essa região para reprodução. Algumas embalagens como papel metalizado – as bolachas e salgados, contém uma lâmina contendo metal pesado, altamente perigoso ao meio ambiente podendo contaminar a vegetação e a fauna local. Afirma Juliana.

Estágio

Alunos de uma universidade local de Praia Grande farão parte do corpo de técnicos estagiários afim de participarem no estudo integrando agenda para formação de um artigo científico. ”’O propósito é catalogar esses dados pelo litoral Centro e Sul neste final de semana”, comenta Rodrigo, coordenador da organização.
As áreas do litoral paulista entre Norte, Sul e Centro irão fornecer um banco de dados produzidos pela instituição que após os trabalhos serão proposto o tombamento de áreas críticas como patrimônio ecológico e natural, ajudando a forma APPs ou medidas de contenção de poluição pelo lixo plástico como ecobarreiras, monitoria, limpeza que por sinal, os manguezais sendo áreas mais remotas não recebem nenhuma limpeza local e adequada na região.
As áreas mais preservadas vamos propor a criação de trabalho de manutenção e educação ambiental junto ao poder público local.
A ação começa às 9 horas em  Praia Grande no Portinho, em parceria com a Secretaria de Meio Ambiente de Praia Grande e Itanhaém no Rio Itanhaém (margens do manguezal).
As demais informações pelo contato 13 996026260 /13 997141698 ou Instagram www.instargram.com/ong.ecomov

LEIA TAMBÉM: