Parceria vai promover inovação tecnológica e desenvolvimento urbano sustentável | Boqnews
Foto: Arquivo/PMS

Santos

13 DE DEZEMBRO DE 2023

Parceria vai promover inovação tecnológica e desenvolvimento urbano sustentável

Colaboração vai contribuir para uma cidade mais inteligente

Por: Da Redação

array(1) {
  ["tipo"]=>
  int(27)
}

Contribuir para uma cidade mais inteligente, conectando os profissionais com a tecnologia e promovendo inovações e negócios em prol do desenvolvimento urbano sustentável.

Estas são as principais metas da parceria firmada entre a Fundação Parque Tecnológico de Santos (FPTS). E a Associação dos Engenheiros e Arquitetos de Santos (AEAS).

A assinatura do termo de cooperação técnica ocorreu na última segunda-feira (11) no Salão Nobre do Paço Municipal. “Muito importante poder fazer esta parceria numa vocação que Santos já tem e que queremos organizar cada vez mais, tendo o Parque Tecnológico como ponto de encontro”, destaca o prefeito Rogério Santos sobre a parceria inovadora com a entidade de classe, a qual ajudará em projetos como a obra do túnel submerso Santos-Guarujá.

De acordo com o presidente do Parque Tecnológico, Eduardo Bittencourt, a iniciativa tem como objetivo criar um ecossistema dinâmico de inovação e desenvolvimento tecnológico.

Para isso, estão previstos workshops, desenvolvimento de projetos conjuntos e programas de mentoria, aproveitando os recursos e a influência de ambas as instituições.

“Arquitetos e engenheiros, com suas habilidades técnicas e capacidades inovadoras, são essenciais no avanço de tecnologias e produtos, atendendo perfeitamente às demandas das startups. Esta sinergia não só acelera a inovação, mas também fortalece o ecossistema empresarial”, explica Bittencourt.

Já o presidente da AEAS, o arquiteto e urbanista Frederico da Costa Marins, ressalta que a parceria com o município de Santos será pioneira nas discussões técnicas com as prefeituras da região e vai contribuir em várias áreas: mobilidade, acessibilidade, desenvolvimento urbano e portuário e fiscalização de obras e edificações.

“A tecnologia veio para ajudar o desenvolvimento da engenharia e arquitetura, principalmente nas áreas de projeto e planejamento. Ela ajuda a Cidade a ficar mais inteligente e rápida, porque se consegue fazer os testes sem precisar executar qualquer tipo de obra”, complementa Marins.

Além da parceria com a Associação dos Engenheiros e Arquitetos, neste ano o Parque Tecnológico formalizou termos de cooperação com a Ordem dos Advogados do Brasil (OAB), Instituto Multiplicidades, Juicyhub, Hub Brasil Export.

A fundação também ingressou recentemente na Rede de Ambientes Paulistas de Inovação (API) e fez intenso intercâmbio com diversas instituições locais, do Brasil e até de outros países como Portugal, Itália e Israel, visando estimular o desenvolvimento tecnológico da região.

A ocupação da moderna sede do parque, na Vila Nova, está sendo ampliada com a instalação de mobiliários e intervenções para a entrega de novos espaços para eventos, capacitações, trabalho compartilhado e outras atividades. Desta forma, vai abrigar um hub (centro de inovação) com startups e empresas de vários segmentos.

 

Confira as notícias do Boqnews no Google News e fique bem informado.

Notícias relacionadas

ENFOQUE JORNAL E EDITORA © TODOS OS DIREITOS RESERVADOS

desenvolvido por:
Este site usa cookies para personalizar conteúdo e analisar o tráfego do site. Conheça a nossa Política de Cookies.