Pandemia

Prefeitos da região vão ao MP para reabrir comércio contra plano do Estado

Reunião acontece nesta tarde (4) para tratar sobre o Plano SP. Governo do Estado insiste em convencer prefeitos a aguardar até o dia 15

04 de junho de 2020 - 12:22

Da Redação

Compartilhe

As nove cidades da região pretendem descumprir as orientações do Governo do Estado e adotar imediatamente as regras da segunda etapa do Plano SP, que qualifica a região na zona vermelha e não permite a reabertura do comércio.

Nesta tarde, os prefeitos das nove cidades, representados pelo Conselho de Desenvolvimento da Baixada Santista (Condesb) se reunem com representantes do Ministério Público para debater o assunto.

Segundo o prefeito de Santos e presidente do Condesb, Paulo Alexandre Barbosa, a classificação inicial da região pelo Estado ocorreu com base em dados equivocados. “Esse foi o entendimento unânime dos nove prefeitos, de que já estamos enquadrados na fase laranja desde a semana passada”, relata, dizendo que a deliberação já foi informada ao governo estadual e ao Ministério Público, “comprovando a real situação dos municípios”.

No entanto, o secretário de Desenvolvimento Econômico, Marco Vinholi, afirmou nesta manhã que, apesar de entender a ansiedade dos prefeitos e a pressão que têm sofrido de segmentos empresarias, vai insistir na manutenção do plano original para evitar a volta do crescimento do número de casos da Baixada Santista. Segundo ele, na última semana houve uma melhora sensível das condições da região e que mantida essa situação possibilitará a retomada segura das atividades no próximo dia 15.

 

LEIA TAMBÉM: