Presidente da Abtra defende nova pista entre Planalto e Baixada Santista | Boqnews
Bayard Umbuzeiro: nova pista é urgente. Foto: Carla Nascimento

Estrada

13 DE OUTUBRO DE 2022

Presidente da Abtra defende nova pista entre Planalto e Baixada Santista

Presidente da Abtra, Bayard Umbuzeiro, defendeu uma nova pista entre o Planalto e a Baixada em razão do aumento na movimentação portuária

Por: Da Redação

array(1) {
  ["tipo"]=>
  int(27)
}

Presidente da Abtra  – Associação Brasileira de Terminais e Recintos Alfandegados, o empresário Bayard Umbuzeiro defende a construção de uma nova estrada ligando o Planalto e a Baixada Santista em razão do crescimento contínuo das atividades do Porto de Santos.

Dessa forma, ele defendeu a proposta durante participação no Jornal Enfoque – Manhã de Notícias de hoje (13).

“A expansão do Porto de Santos passa pelas estradas, que estão completamente estranguladas”, destaca.

Presidente da Abtra, Bayard Umbuzeiro, participou do Jornal Enfoque – Manhã de Notícias. Foto: Carla Nascimento

“Ainda que existam as linhas férreas para melhorar a logística, todos os terminais tendem a crescer, aumentando a demanda”, acrescenta o empresário.

“Há necessidade urgente de um projeto para uma nova ligação entre o Planalto e a Baixada Santista”, diz.

Atualmente, o fluxo de caminhões se limita a dividir espaço com os veículos pela Imigrantes na subida.

Além disso, quando vigora a operação 5 x 5 (com todas as pistas liberadas), a outra alternativa é a Anchieta norte.

No entanto, em boa parte dos dias, obras ocorrem nas duas pistas da Anchieta e assim para os caminhoneiros resta apenas a Imigrantes.

Cartaz da Via Anchieta

Ecovias

A própria Ecovias informou no seu site que obras foram realizadas de terça a quinta na pista sul da Anchieta.

Dessa forma,  a situação é ruim para subida ao Planalto, piora para a descida, onde apenas a Anchieta é liberada para caminhões.

Por sua vez, a maioria destina-se aos terminais portuários rumo ao Porto de Santos.

“Ainda que o governo esteja investindo em ferrovias, há a necessidade de se pensar urgentemente em uma nova pista”, salienta.

Assim, Umbuzeiro teme que enquanto o foco no Porto de Santos é sobre o aumento de produtividade, pouco se fala sobre os acessos a ele.

Ou seja, o STS-10,  que irá aumentar a movimentação de caminhões pelo Saboó, no mínimo, em 10%.

Dessa forma, o STS-10 ocupará uma área de 601 mil m2, cuja licitação deverá ocorrer em breve.

Além do próprio STS-53 para implantação de um terminal de fertilizantes, na região do Outeirinhos.

Além disso, durante o programa, Bayard também falou do seu projeto de construção de um novo terminal de passageiros na Ponta da Praia, proposta que aguarda encaminhamento há mais de duas décadas, eleições, economia e outros assuntos.

Confira o programa completo

Notícias relacionadas

ENFOQUE JORNAL E EDITORA © TODOS OS DIREITOS RESERVADOS

desenvolvido por:
Este site usa cookies para personalizar conteúdo e analisar o tráfego do site. Conheça a nossa Política de Cookies.