Saúde

Santos abrirá mais 20 leitos de UTI adulto no Complexo dos Estivadores

Hospital já tem estrutura pronta para receber os novos leitos

19 de março de 2020 - 09:42

Da Redação

Compartilhe

O Complexo Hospitalar dos Estivadores, equipamento da Prefeitura de Santos mantido sob gestão compartilhada com o Instituto Social Hospital Alemão Oswaldo Cruz, vai contar em breve com mais 20 leitos de Unidade de Terapia Intensiva (UTI) para adultos, passando dos atuais 17 leitos do tipo para 37. Os novos leitos serão montados no nono andar do hospital, que já tem estrutura pronta, voltados para atender possíveis casos graves do novo coronavírus (Covid-19) na rede SUS.

A ampliação dos leitos na rede SUS faz parte das medidas defendidas pelos prefeitos na última segunda (16) em reunião do Conselho de Desenvolvimento da Baixada Santista (Condesb), realizada na Prefeitura de Santos. Entre as 11 medidas definidas no encontro estava a elaboração de um Plano Regional de Contingência, que definiu a solicitação da abertura de mais 77 leitos de clínica médica e 90 leitos de UTI na Baixada Santista.

Assim, também foram pedidos equipamentos de proteção individual (EPIs) para os trabalhadores da saúde, insumos e aparelhos utilizados no diagnóstico e tratamento da doença. “Santos está se antecipando e fazendo esta ação preventiva, pois até o momento não temos casos confirmados da doença na nossa Cidade”, explica o secretário municipal de Saúde, Fábio Ferraz.

Para o enfrentamento do coronavírus no País, o Ministério da Saúde autorizou a rápida instalação de dois mil leitos de UTI no Brasil. Seguindo a recomendação, a Secretaria Municipal de Saúde (SMS) de Santos concluiu o credenciamento junto ao órgão federal, com o envio de todos os documentos necessários, para instalar 20 leitos de UTI adulto no Estivadores, além de outros nove na Beneficência Portuguesa e oito na Santa Casa, ambos hospitais filantrópicos prestadores do SUS.

Novos Leitos

Os novos leitos já estão inseridos no Cadastro Nacional de Estabelecimentos de Saúde (CNES), aguardando a habilitação do Ministério da Saúde para o repasse de recursos de custeio (valor ainda indefinido). Atualmente, o repasse por leito de UTI adulto é de R$ 21.900,00/mês, no caso do Estivadores, cuja gestão é feita em parceria com uma organização social, a aquisição dos equipamentos necessários para a montagem do setor, como ventiladores mecânicos, bombas de infusão e monitores multiparâmetros, já teve início e alguns itens estão chegando ao hospital.  No entanto, há dificuldades para obtenção de alguns dos aparelhos no mercado.

Em paralelo, está sendo contratada equipe de profissionais para atuar no setor. Dessa forma, a previsão é que os primeiros leitos possam estar prontos para entrar em operação na próxima semana.

A Secretaria de Saúde também recebeu nesta quarta (18) um total de três mil máscaras N-95, tipo mais seguro para evitar o contágio do novo coronavírus, adquiridas pelo Município por meio de ata de registro de preços. Além disso, os itens estão sendo repassados às policlínicas para uso pelos profissionais de saúde no atendimento de casos suspeitos.

LEIA TAMBÉM: