Santos

Santos inicia nesta quarta-feira exame com teste de antígeno

Testes estarão disponíveis em 12 policlínicas

09 de junho de 2021 - 10:07

Da Redação

Compartilhe

As 12 policlínicas que realizam atendimento a casos de covid-19 no período da tarde, das 14h às 16h, começam nesta quarta-feira (9) a oferecer teste antígeno aos moradores de Santos sintomáticos, já a partir do primeiro dia de aparecimento dos sintomas. Em caso de resultado positivo, pessoas com contato mais próximo, geralmente familiares, também serão testados.

O objetivo da Prefeitura de Santos é detectar o mais breve possível a covid-19, isolar os doentes e iniciar o monitoramento dos casos, realizando as intervenções medicamentosas e até de internação, quando necessário, a partir do quadro clínico apresentado pelo paciente.

“Entendemos que acompanhar a evolução da doença o mais breve possível, já a partir do primeiro dia de sintomas, possibilita mais qualidade na assistência ao paciente e, consequentemente, melhores prognósticos. Trata-se ainda de um zelo não apenas com quem apresenta sintomas como para as pessoas mais próximas, que podem estar infectadas e não saber. Além de oferecer cuidado, a medida visa ainda diminuir a circulação do vírus e evitar mortes”, explica Adriano Catapreta, secretário municipal de Saúde.

Vale ressaltar, no entanto, que as pessoas que apresentarem quadro clínico preocupante, com agravamento de sintomas, devem continuar a procurar uma das unidades de pronto atendimento do Município.

Como Funciona

O munícipe de Santos que estiver com suspeita de covid-19 pode procurar uma das 12 policlínicas, onde passará por avaliação da enfermagem e, se for preciso, em consulta médica. Havendo indicação para testagem, ele se submeterá a uma coleta da secreção da nasofaringe.

O resultado é conhecido em 15 minutos e servirá como diagnóstico. No caso de resultado positivo, a unidade de saúde fará a mesma testagem com os contatos próximos ao paciente. Todos os positivos serão devidamente notificados como casos confirmados à Seção de Vigilância Epidemiológica do Município.

Os pacientes receberão atestado médico e serão monitorados por meio de uma central telefônica contratada e capacitada exclusivamente para este acompanhamento. Todos os dias, os pacientes receberão ligações telefônicas com o objetivo de monitorar o seu quadro clínico, a partir do relato dos sinais e sintomas.

No caso de agravamento do quadro clínico, o paciente será encaminhado para o Serviço de Atendimento Especializado, que funciona na sede da Coordenadoria de Controle de Doenças Infectocontagiosas (Rua da Constituição, 556). Após avaliação, poderá ser encaminhado para exame de tomografia e, caso necessário, será disponibilizado oxímetro para acompanhamento da saturação de oxigênio do sangue. Pacientes com quadros mais graves serão encaminhados para internação hospitalar.

Policlínicas

Morros

  • Morro José Menino (Rua Carlos Alberto Curado, 77A)
  • Jabaquara (Rua Vasco da Gama, 32)
  • Nova Cintra (Rua José Ozéas Barbosa s/nº)
  • Policlínica São Bento (Rua das Pedras s/nº)
  • Centro Martins Fontes (Rua Luiza Macuco, 40)

Orla

  • Aparecida (Av. Pedro Lessa, 1.728)
  • Pompeia (Rua Ceará, 11)

Zona Noroeste

  • Rádio Clube (Av. Hugo Maia s/nº)
  • Castelo (Rua Francisco de Barros Melo, 184)
  • São Manoel (Praça Nicolau Geraigire s/nº)

Área Continental

  • Caruara (Rua Andrade Soares s/nº)
  • Monte Cabrão (Av. Principal s/nº)

LEIA TAMBÉM: