Santos terá moradias sociais para idosos | Boqnews

Cidades

30 DE ABRIL DE 2009

Santos terá moradias sociais para idosos

Santos é uma das sete únicas cidades do Estado a participar do programa “Vila dignidade”, que vai construir habitações para idosos com renda de até dois salários mínimos, sem vínculos familiares e que morem sozinhos. Lançado nesta quarta-feira (29) pelo governador José Serra, na sede do Fussesp (Fundo de Solidariedade e Desenvolvimento Social de São […]

Por: Da Redação

array(1) {
  ["tipo"]=>
  int(27)
}

Santos é uma das sete únicas cidades do Estado a participar do programa “Vila dignidade”, que vai construir habitações para idosos com renda de até dois salários mínimos, sem vínculos familiares e que morem sozinhos. Lançado nesta quarta-feira (29) pelo governador José Serra, na sede do Fussesp (Fundo de Solidariedade e Desenvolvimento Social de São Paulo), o programa oferecerá moradia gratuita e assistência integral aos idosos, que também receberão atenção social e terão acesso a atividades socioeducativas e culturais.


A proposta será desenvolvida de forma integrada pelas secretarias estaduais da Habitação, Assistência e Desenvolvimento Social, Economia e Planejamento e Cultura, CDHU (Companhia de Desenvolvimento Habitacional e Urbano), prefeituras e Fussesp – o qual terá a função de apoiar a articulação entre os órgãos públicos e a sociedade civil, fortalecendo a rede de proteção e defesa do idoso.


As partes envolvidas assinaram termo de cooperação técnica para viabilizar os conjuntos, que receberão neste ano investimento da ordem de R$ 10 milhões do governo estadual. “É um projeto piloto, que vai dar mais qualidade de vida para pessoas sozinhas com mais de 70 anos, evitando o asilamento”, frisou o governador ao sancionar o decreto que autoriza o programa.


O prefeito João Paulo Tavares Papa informou que um imóvel da área central deverá receber o conjunto, afirmando: “Santos, que tem muitos moradores com mais de 70 anos, abraçou desde imediato este projeto, que vai gerar grandes benefícios”.


A seleção das pessoas que residirão nas vilas será feita pelos conselhos municipais de idosos, seguindo critérios sociais, conforme o secretário da Habitação, Lair Krähenbuhl. Ele destacou que as unidades terão aquecimento solar e seguirão normas de acessibilidade. As atividades a serem desenvolvidas nos núcleos serão escolhidas pelos próprios moradores, explicou a presidente do Fussesp, Monica Serra.
 

Notícias relacionadas

ENFOQUE JORNAL E EDITORA © TODOS OS DIREITOS RESERVADOS

desenvolvido por:
Este site usa cookies para personalizar conteúdo e analisar o tráfego do site. Conheça a nossa Política de Cookies.