Saúde

Vacinação contra a gripe continua em Santos

Não haverá drive thru, primeira etapa da campanha de vacinação contra a gripe em Santos já imunizou mais de 31,2 mil pessoas

26 de março de 2020 - 09:54

Da Redação

Compartilhe

A primeira etapa da campanha de vacinação contra a gripe em Santos já imunizou mais de 31,2 mil pessoas desde o início, na última segunda-feira (23). Válida apenas para maiores de 60 anos e profissionais da saúde até 15 de abril, a campanha segue nesta quinta-feira (26) em 20 policlínicas da Cidade (veja endereços abaixo), cujas doses não se esgotaram nesta quarta-feira (25). Não haverá drive thru.

Das 7h30 às 16h, a vacinação acontece em todas as unidades da Zona Noroeste (Alemoa/Chico de Paula, Bom Retiro, Rádio Clube, São Jorge/Caneleira, São Manoel, Piratininga, Areia Branca e Castelo) e em algumas da região dos Morros (Jabaquara, Marapé, Morro São Bento, Monte Serrat, Penha, Morro José Menino, Vila Progresso e Morro Santa Maria).

No Centro e Área Continental, permanecem em campanha as unidades Porto, Vila Nova, Caruara e Monte Cabrão. Na região da orla, as vacinas se esgotaram em todas as policlínicas.

A Secretaria de Estado da Saúde não informou quando as novas remessas de vacinas serão enviadas ao Município. Vale lembrar que elas são adquiridas pelo Ministério da Saúde, responsável pelo repasse aos Estados e estes, aos municípios.

 

A vacinação drive thru, realizada nesta quarta-feira (25) no estacionamento do Mendes Convention Center, mostrou-se, mais uma vez, uma boa alternativa em tempos de enfrentamento ao novo coronavírus.

“A população aderiu ao drive thru. Durante todo o tempo, a equipe não parou de vacinar. Mobilizamos cerca de 100 servidores nesta ação para oferecer um serviço de qualidade, mas que fosse o mais ágil possível para que os idosos permanecessem por pouco tempo fora de suas casas”, afirma Ana Paula Valeiras, chefe do Departamento de Vigilância em Saúde.

Outra ação de destaque ocorreu na Policlínica do Marapé, que utilizou a quadra da escola de samba União Imperial para a aplicação de vacinas. O objetivo foi alcançado: evitar aglomeração, uma vez que o espaço é bastante amplo, e impedir que os idosos aguardassem a vacinação expostos ao sol.

A segunda etapa da imunização, que começa em 16 de abril, incluirá professores, agentes de forças de segurança e salvamento e portadores de doenças crônicas não transmissíveis e de outras condições clínicas – diabéticos e hipertensos, por exemplo.

Já a terceira etapa tem início em 9 de maio (sábado), abrangendo crianças de seis meses a seis anos, gestantes, mulheres que deram à luz há poucos dias, adolescentes e jovens sob medida socioeducativa, funcionários do sistema prisional e adultos de 55 e 59 anos.

Neste ano, o público-alvo total da campanha em Santos será formado por 250 mil pessoas – 58% da população. Na campanha de 2019, o Município aplicou 214 mil doses da vacina contra a gripe (95,6% do público-alvo), superando a meta estipulada pelo Ministério da Saúde de 90%.

A vacina não é indicada para pessoas com doenças febris agudas, as quais deverão adiar a aplicação até a melhora do quadro. Também não devem tomar as pessoas com alergia a ovo, histórico de anafilaxia ou que tiveram Síndrome de Guillain-Barré no período de até 30 dias após receber a dose anterior, necessitando de avaliação médica para liberação da dose.

Produzida pelo Instituto Butantan, a vacina protege contra os vírus A (H1N1), A (H3N2) e B. As doses são feitas de vírus inativos, fragmentados e purificados. Por isso, não contêm vírus vivos e não causam a doença. Para a vacinação, é preciso apresentar documento de identificação com foto (RG ou CNH, por exemplo) ou identificação profissional (trabalhadores da saúde). Também é recomendado levar carteira de vacinação e Cartão SUS, se tiver.

As pessoas acamadas receberão a vacina contra a gripe em domicílio. Na próxima semana, a Secretaria de Saúde divulgará informações sobre como deve ser realizada a inscrição dos pacientes. Quem já é acompanhado pela Seção de Atendimento Domiciliar (Seadomi) não precisa se inscrever.

  • Alemoa e Chico de Paula – R. Afonsina Proost de Souza s/nº – Alemoa
  • Bom Retiro – Rua João Fraccaroli s/nº, Bom Retiro
  • Jabaquara – Av. Rangel Pestana, 475
  • Marapé – Rua São Judas Tadeu, 115
  • Unidade de Cuidado do Porto – Rua General Câmara, 507, Paquetá
  • Rádio Clube – Avenida Hugo Maia s/nº
  • Vila Nova – Praça Iguatemi Martins s/nº
  • Morro São Bento – Rua das Pedras s/nº
  • Vila São Jorge e Caneleira – Rua Francisco Ferreira Canto, 351 – Vila São Jorge
  • São Manoel – Praça Nicolau Geraigire s/nº
  • Piratininga – Praça João de Moraes Chaves s/nº
  • Caruara – Rua Andrade Soares s/nº – Caruara – Área Continental
  • Monte Cabrão – Av. Principal s/nº – Monte Cabrão – Área Continental
  • Monte Serrat – Praça Correia de Melo s/nº
  • Morro da Penha – Rua Três, 150
  • Morro José Menino – Rua Doutor Carlos Alberto Curado, 77 A
  • Vila Progresso – Rua Três, casas 1 e 2 – Vila Telma
  • Morro Santa Maria – Rua 10 s/nº
  • Areia Branca – Rua Francisco Lourenço Gomes, 118
  • Castelo – Rua Francisco de Barros Melo, 184

LEIA TAMBÉM: