A uma semana da Copa, ruas permanecem sem pinturas sobre evento | Boqnews
Foto: Divulgação Copa

Futebol

06 DE JUNHO DE 2018

A uma semana da Copa, ruas permanecem sem pinturas sobre evento

Mesmo perto do início da Copa da Rússia, os moradores não demonstram interesse para participação brasileira na competição

Por: Felipe Rey
Da Redação

array(1) {
  ["tipo"]=>
  int(27)
}

Conhecido mundialmente por ser o ‘país do futebol’, o Brasil vive a expectativa do hexacampeonato mundial. Entretanto, parece que alguns brasileiros não estão se importando muito com os jogos. Imerso em uma crise política e econômica, a população brasileira parece se preocupar mais com os problemas dentro do país.

Uma cultura muito praticada sempre foi as pinturas de ruas para comemorar a Copa do Mundo. Um dos bairros pintados durante a última edição foi o do Marapé, que acabou recebendo pinturas de Neymar, da taça de campeão e do mascote da copa. O pintor Felipe Freitas, afirmou que para ele o Brasil estava mais ‘inspirado’ para as pinturas na última Copa, porque era em solo nacional.

Foto: Divulgação

Neymar foi uma das pinturas feitas por Felipe Freitas em 2014 (Foto: divulgação)

 

“Eu e o pessoal da minha rua decidimos enfeita-la muito em cima da hora. A chuva acaba atrapalhando a pintura também”, salientou.

Entretanto, o pintor não deixou passar o período de competição. Segundo ele como o mundial acontece apenas de quatro em quatro anos, conseguiu enfeitar o bairro com algumas bandeirinhas verdes e amarelas do Brasil.

Bandeiras localizadas no bairro do Marapé mostram entusiamo de alguns moradores (Foto: divulgação)

Procura por tintas

Com um período conturbado após a fatídica derrota para a Alemanha na última Copa, as vendas de tintas para pinturas decaiu bastante. Segundo a loja Comércio de Tintas Mar, a procura pelo material foi nula, mas em 2014 já havia sido fraca.

Outra empresa que também sofreu com essa falta foi o Baratão das Tintas. “Foi fraco, ainda não conseguimos vender nada. 2014 não teve procura. Já de 2010 para trás a procura foi muito grande”, finalizou.

Quem ainda for enfeitar as ruas dos bairros, podem nos enviar as fotos para o nosso e-mail ([email protected]) para divulgação em nossas redes sociais.

Notícias relacionadas

ENFOQUE JORNAL E EDITORA © TODOS OS DIREITOS RESERVADOS

desenvolvido por:
Este site usa cookies para personalizar conteúdo e analisar o tráfego do site. Conheça a nossa Política de Cookies.