Mirada inicia nesta sexta (9) trazendo a arte internacional para Santos | Boqnews
Peça a ser encenada no Mirada. Foto: Carlos Fernandes/Divulgação

Internacional

08 DE SETEMBRO DE 2022

Mirada inicia nesta sexta (9) trazendo a arte internacional para Santos

Pelo menos 400 artistas brasileiros e estrangeiros estarão em Santos para apresentar seus trabalhos, cuja edição homenageará Portugal.

Por: Da Redação

array(1) {
  ["tipo"]=>
  int(27)
}

Com homenagem a Portugal, a sexta edição do Festival, idealizado pelo Sesc São Paulo, acontece em Santos, de sexta (9) a 18 de setembro.

A intervenção cultural  ocupará a unidade do Sesc Santos e outros locais da cidade e região.

Obras de Argentina, Bolívia, Brasil, Chile, Colômbia, Cuba, Espanha, Equador, México, Peru, Portugal, Uruguai e Venezuela trazem para a cena temas da contemporaneidade, como colonialidade, questões ambientais, genocídios de povos originários e luta antirracismo.

Além disso, pelo menos 400 estrangeiros estarão em Santos para participar das manifestações culturais.

Dessa forma, no ano do bicentenário da Independência, o evento recebe nove trabalhos de Portugal, com discussão sobre a colonização e a ditadura durante o regime salazarista.

Há, ainda, atividades formativas e um encontro programadores internacionais e nacionais de festivais cênicos do mundo.

Além do Sesc Santos, as atividades ocorrerão em espaços públicos e edifícios históricos de Santos, além de Cubatão.

Assim, ao todo, são 36 espetáculos de múltiplas linguagens em teatro, dança, performance e teatro de rua para todas as idades.

Além disso, do Brasil, estão presentes representantes de Sergipe, Rio Grande do Norte, Distrito Federal, Rio de Janeiro e São Paulo.

Não bastasse, ainda, atividades formativas, uma instalação interativa na unidade e um encontro que reúne programadores e diretores de festivais cênicos internacionais e nacionais.

Cultura

Portanto, para o diretor do Sesc São Paulo, Danilo Santos de Miranda, “A cultura, proporciona a oportunidade de reduzir fronteiras e fortalecer diálogos entre povos diversos. O MIRADA surgiu em 2010 com o objetivo de apresentar experiências cênicas dos países da América Latina, Espanha e de Portugal, favorecendo diálogos entre criadores e público a fim de propiciar trocas e reflexões sobre heranças comuns e identidades particulares”.

Além disso, a sexta edição acontece no mês do bicentenário da Independência do Brasil.

Dessa forma, a efeméride é refletida em parte dos espetáculos vindos da América Latina, de Portugal e da Espanha, que abordam criticamente os sintomas da colonização e os processos migratórios.

Portugal

Portanto, com nove peças escaladas na programação, Portugal é o país homenageado desta edição.

Assim, as obras lusas refletem a diversidade cênica de lá.

Dessa forma, são montagens críticas às identidades históricas forjadas na esteira do colonialismo: a conquista por meio do genocídio de povos originários seguida do processo colonizador com escravidão africana.

Portanto, é o caso de Brasa, do artista performativo e visual Tiago Cadete, cujo trabalho foca em grupos migratórios entre Portugal e Brasil.

Assim, em Estreito/Estrecho, a coprodução luso-chilena, entre o Teatro Experimental do Porto (TEP) e o Teatro La María (CHI), faz uma sátira ao problematizar a figura do navegador português Fernão de Magalhães (1480-1521).

Ou ainda Cosmos, com atrizes de ascendências cabo-verdiana, portuguesa e angolana, que revisitam mitologias africanas e europeias para propor o nascimento de um novo mundo.

Como participar

Assim, a programação completa das atividades formativas está disponível em www.sescsp.org.br/mirada

Cena de Viagem a Portugal, última paragem ou o que nós andámos para aqui chegar – Foto : Carlos Fernandes/Divulgação

MIRADA – Festival Ibero-Americano de Artes Cênicas

Dessa forma, criado em 2010 para evidenciar a diversidade de estéticas e as pesquisas nas artes cênicas dos países da América Latina e Península Ibérica, o MIRADA chega à sua sexta edição reforçando as similaridades e pluralidades que se estabelecem entre a produção desses países na cidade de Santos, que carrega, além de sua beleza natural, a vocação de palco perfeito para evidenciar e proporcionar o intercâmbio entre os povos.

 

9 a 18 de setembro de 2022

Informações em www.sescsp.org.br/mirada

Nas redes sociais pela ‘hashtag’ #FestivalMirada

Além disso, a venda de ingressos na bilheteria das unidades do Sesc São Paulo e on-line pelo portal do Sesc SP, pelo app Credencial Sesc SP e pela Central de Relacionamento Digital

 

Ingressos para Espetáculos Adultos

R$ 10 (credencial plena) / R$ 15 (pessoas com +60 anos, estudantes e professores da rede pública de ensino)

R$ 30 (inteira) para os espetáculos adultos

 

Ingressos para Espetáculos infantis

R$ 7,50 (credencial plena) /R$ 12,50 (pessoas com +60 anos, estudantes e professores da rede pública de ensino)

R$ 25 (inteira) para os espetáculos infantis (crianças até 12 anos não pagam)

 

Sesc Santos

R. Conselheiro Ribas, 136 – Aparecida, Santos – SP, 11040-900

Terça a sexta, 9h às 21h30. Sábados, domingos e feriados, 10h às 18h30 Informações em www.sescsp.org.br/mirada

Plataformas on-line Sesc Santos:

YouTube @sescemsantos (youtube.com/sescemsantos)

Instagram @sescsantos (instagram.com/sescsantos)

Twitter @sescsantos (twitter.com/sescsantos)

Facebook @sescsantos (facebook.com/sescsantos)

 

Entrevista

Confira a entrevista com Rani Fuzetto, da curadoria do Mirada, à Boqnews TV.

Notícias relacionadas

ENFOQUE JORNAL E EDITORA © TODOS OS DIREITOS RESERVADOS

desenvolvido por:
Este site usa cookies para personalizar conteúdo e analisar o tráfego do site. Conheça a nossa Política de Cookies.