Caixa informa que obras de programa habitacional começam em maio em São Paulo | Boqnews

Nacional

14 DE ABRIL DE 2009

Caixa informa que obras de programa habitacional começam em maio em São Paulo

O superintendente regional da Caixa Econômica Federal em São Paulo, Válter Nunes, afirmou nessa segunda (13) que os primeiros convênios do programa Minha Casa, Minha Vida vão começar a ser implementados em maio, com o início das primeiras obras de construção de casas populares, que serão realizadas por meio de acordos entre o governo federal e […]

Por: Da Redação

array(1) {
  ["tipo"]=>
  int(27)
}

O superintendente regional da Caixa Econômica Federal em São Paulo, Válter Nunes, afirmou nessa segunda (13) que os primeiros convênios do programa Minha Casa, Minha Vida vão começar a ser implementados em maio, com o início das primeiras obras de construção de casas populares, que serão realizadas por meio de acordos entre o governo federal e as 101 prefeituras paulistas incluídas no programa.


Nunes disse, em entrevista à Agência Brasil, que, desde o anúncio do programa, em 25 de março, as 18 superintendências da Caixa no estado estão em contato com as prefeituras procurando agilizar parcerias. Ele disse também que o processo de negociação com algumas prefeituras, como a de São Paulo, já está bem adiantado.


A Companhia Metropolitana de Habitação de São Paulo, por exemplo, já disponibilizou um endereço eletrônico para que os interessados em adquirir uma das novas casas possam se inscrever: www.cohab.sp.gov.br/demanda.


De acordo com Nunes, a construção de casas para famílias com renda de até três salários é a única atrelada diretamente aos convênios entre governos. O restante das casas (moradias para famílias com renda entre três e dez salários mínimos) será construído por construtoras e automaticamente estarão incluídas no programa.


Constam dos planos do novo programa de habitação do governo federal a construção de 1 milhão de casas no país. Destas, 183 mil devem  ser construídas em cidades do estado de São Paulo.


O número, no entanto, não resolve o déficit habitacional no estado. Dados do próprio Ministério dos Cidades, responsável pelo Minha Casa, Minha Vida, apontam que 1,34 milhão de casas precisariam ser construídas para atender a atual demanda estadual. Deste total, 642 mil só na Grande São Paulo.

Notícias relacionadas

ENFOQUE JORNAL E EDITORA © TODOS OS DIREITOS RESERVADOS

desenvolvido por:
Este site usa cookies para personalizar conteúdo e analisar o tráfego do site. Conheça a nossa Política de Cookies.