Índice de desemprego em 2008 é o menor em seis anos | Boqnews

Nacional

22 DE JANEIRO DE 2009

Índice de desemprego em 2008 é o menor em seis anos

O nível de desemprego nas seis maiores regiões metropolitanas do país fechou 2008 em 7,9%, depois de alcançar 9,3% em 2007. O resultado é o menor já registrado desde 2002, quando começou a série histórica. Em dezembro, a taxa de desemprego foi de 6,8%. Na comparação com novembro (7,6%), houve queda de 0,8 ponto percentual, […]

Por: Da Redação

array(1) {
  ["tipo"]=>
  int(27)
}

O nível de desemprego nas seis maiores regiões metropolitanas do país fechou 2008 em 7,9%, depois de alcançar 9,3% em 2007. O resultado é o menor já registrado desde 2002, quando começou a série histórica. Em dezembro, a taxa de desemprego foi de 6,8%. Na comparação com novembro (7,6%), houve queda de 0,8 ponto percentual, e de 0,6 ponto percentual em relação ao mesmo período do ano anterior (7,4%). O resultado observado em dezembro também foi o menor para o mês, desde o início da série histórica.


O número de pessoas desocupadas no mês, 1,6 milhão, recuou 11% em relação a novembro, e 6,3% na comparação com dezembro de 2007. Os dados fazem parte da Pesquisa Mensal do Emprego, divulgada hoje (22) pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE).


A pesquisa mostra ainda que o rendimento médio dos trabalhadores, de R$ 1.284,90, aumentou 0,5% quando comparada ao mês de novembro e 3,6% em relação ao mesmo período do ano anterior.


Em dezembro, os setores que mais contrataram, na comparação com o mesmo mês de 2007, foram educação, saúde, serviços sociais, administração pública, defesa e seguridade social (7,3%); serviços prestados a empresas, aluguéis, atividades imobiliárias e intermediação financeira (7,3%); e construção (6,5%).


A Pesquisa Mensal de Emprego é feita em Recife, Salvador, Belo Horizonte, Rio de Janeiro, São Paulo e Porto Alegre.

Notícias relacionadas

ENFOQUE JORNAL E EDITORA © TODOS OS DIREITOS RESERVADOS

desenvolvido por:
Este site usa cookies para personalizar conteúdo e analisar o tráfego do site. Conheça a nossa Política de Cookies.