nacional

Superávit do setor público chega a R$ 15 bi

A economia do setor público (União, estados, municípios e empresas estatais) para honrar os compromissos financeiros do país e auxiliar…

30 de abril de 2008 - 12:21

Da Redação

Compartilhe

A economia do setor público (União, estados, municípios e empresas estatais) para honrar os compromissos financeiros do país e auxiliar o Banco Central na execução da política monetária chegou a R$ 15,403 bilhões, em março deste ano. O resultado, divulgado hoje (30) pelo Banco Central, é o chamado superávit primário (receitas menos despesas, excluídos pagamentos de juros).

O superávit primário de março foi bem maior do que registrado no mesmo período do ano passado (R$ 7,138 bilhões) e maior do que o apurado em fevereiro deste ano (R$ 8,966 bilhões).


No mês, o governo central (governo federal, Banco Central e Previdência) foi o que mais contribuiu para o resultado, com R$ 11,039 bilhões. As empresas empresas estatais economizaram R$ 1,573 bilhão. Os governos regionais (estaduais e municipais) contribuíram com R$ 2,791 bilhões.


No primeiro trimestre do ano, União, estados, municípios e estatais fizeram um superávit primário de R$ 43,032  bilhões, ou 6,39% do PIB, percentual maior do que a meta do governo para 2008 de 3,8%. Nos doze meses fechados em março, a economia para o pagamento de juros chegou a R$ 117,364 bilhões, ou 4,46% do PIB.

LEIA TAMBÉM: