vida

Malhação divertida

Com expectativa de receber pelo menos 80 mil visitantes, a Fitness Brasil, evento especializado em educação física e bem-estar, trará…

24 de abril de 2009 - 20:30

Da Redação

Compartilhe

Com expectativa de receber pelo menos 80 mil visitantes, a Fitness Brasil, evento especializado em educação física e bem-estar, trará a Santos, de quinta (30) a domingo (3), uma série de novidades no universo da malhação.  Atividades não faltarão para quem busca alcançar o bem-estar físico e mental pela prática diária de exercícios físicos.

Afinal, engana-se quem pensa que os resultados para um bom condicionamento físico só são garantidos com séries repetitivas oferecidas em aulas de academia.

As diferentes modalidades surgidas no mercado atendem aos mais variados gostos e tornam o momento da  malhação ainda mais prazeroso.
Kangoo Jumps
Aos que não gostam de treinos monótonos e investem no trabalho aeróbico, essa é uma ótima opção. A técnica suíça consiste no uso de um par de botas que minimiza em até  80% os impactos.  Além de potencializar o trabalho muscular, ela diminui o desgaste muscular, tornando possível a prática por pessoas com problemas de postura e articulação.

 “O Kangoo Jumps trabalha o equilíbrio, fortalece a articulação e, como a musculatura inferior está sendo mais acionada, ele tonifica essa região”, diz a professora de educação física, Carol Macário. “É um trabalho, principalmente,  de resistência aeróbica”, complementa.




 A diferença para o Jump Fit (modalidade em que se usa um mini trampolim) é que é possível se deslocar, ampliando ainda mais a gama de movimentos,  trabalhados de maneiras variadas, sempre ao som de música.

A vantagem da modalidade é que ela pode ser praticada, também, fora da academia pois a bota pode ser utilizada em qualquer tipo de superfície, seja asfalto ou grama. “Muitos adquirem o calçado para praticar no dia-a-dia em parques ou pistas de corrida, por exemplo. Pelo tamanho, dá até para levar em uma viagem”, garante.  O gasto calórico da modalidade é de 600 a 800 calorias por aula. 

Treinamento Suspenso
Desenvolver a força muscular. Esse é o objetivo do treinamento suspenso que usa tiras de suspensão, feitas de náilon, com manoplas para as mãos e os pés. “Os exercícios utilizam a força do corpo contra a gravidade,  promovendo  resultados corporais visíveis”, garante a mestre em Ciência do Movimento Humano,  Mônica Tagliari.  “Você se pendura e cria várias possibilidades de ângulos diferentes e a intensidade do exercício dependerá do ângulo realizado com o corpo”, diz.




Segundo ela, é possível trabalhar com todos os músculos do corpo já que as possibilidades de variações são diferenciadas. “Você desenvolve força muscular e alongamento”, comenta.

Kettlebel Training
Apesar de ser uma forma de treinamento antiga, a técnica chegou ao Brasil há pouco mais de um ano. Os exercícios são desenvolvidos em um único equipamento, que consiste em um halter com alça. Normalmente praticados por esportistas que buscam uma melhoria de performance, ele trabalha o corpo como uma unidade.




“O Kettlebel visa, principalmente, compensar os desequilíbrios musculares e posturais. Para quem não tem  tais problemas, a técnica melhora a força e proporciona perda de gordura”, explica a professora de Educação Física, Cida Conti.

Treinamento Funcional
Além da apresentação de novas  modalidades, a novidade para esse ano será a I Convenção Nacional de Treinamento Funcional, que pretende reunir profissionais da área para apresentar os principais métodos deste segmento.

A principal diferença entre o treinamento de força e o funcional é que enquanto o primeiro trabalha cada músculo, o segundo investe nos padrões básicos de movimentos da vida real.

 “Ele atende às necessidades individuais de cada pessoa e pode ser aplicado em várias situações como, por exemplo, a atletas que pretendem melhorar a performance ou idosos que desejam melhorar o equilíbrio”, esclarece o mestre em Educação Física, Mauro Guiselini.

Por meio de exercícios com bolas, elásticos e equipamentos específicos são desenvolvidas atividades de deslocamento, equilíbrio, flexão e agachamento. O  mérito da modalidade é trabalhar a capacidade física de forma integrada com movimentos em diferentes planos, eixos e articulações, além do trabalho da musculatura profunda estabilizadora e de sustentação, grupos musculares importantes para a saúde da coluna.

Evento
De forma paralela ao evento, cursos pagos (vários deles  esgotados) também estarão disponíveis. Além da entrada franca à feira, o público poderá assistir a  palestras e mini-aulas sobre o assunto. Na sexta (2), às 20 horas, acontece também o Brazilian Street Dance Festival. A feira funcionará de quinta (28) a sábado (2), das 10 às 21 horas e no domingo (3), das 10 às 15 horas. Informações sobre o evento pelo  www.fitnessbrasil.com.br ou pelos telefones 3231-3164 e 3326-4508.

LEIA TAMBÉM: