Saúde

Problemas na coluna podem ser solucionados com fisioterapia

O profissional especializado na área de fisioterapia deve fazer uma análise do quadro e das condições físicas do paciente

18 de abril de 2016 - 11:20

Da Redação

Compartilhe


Cada vez mais frequente em jovens e adultos, os problemas na coluna são crescentes no País. Estimam-se que 27 milhões dos adultos — o que corresponde a 18,5% da população adulta brasileira — tem doenças crônicas na região das costas.

De acordo com a fisioterapeuta Romina Bonder, da Physio Life, dores lombar e cervical são queixas frequentes nos dias de hoje, como as escolioses, artroses, hérnia de disco, excesso de peso, espondilolistese, processos degenerativos e outros. Esses problemas, segundo a fisioterapeuta, normalmente estão associados à má postura, excesso de de tensão, sobrecarga, exercícios inadequados e também ao estresse.

O que mais tem surpreendido é a procura de jovens por tratamentos. “O sedentarismo e a má postura do jovem tem uma grande influência. O uso do celular com uma postura errada da cabeça e ombros pode sobrecarregar vértebras, encurtando músculos e assim provocar dor”, explica Romina. “Eles, em sua maioria, fiquadro physio lifecam horas sentados com má postura, muitos estudam deitados na cama e não fazem exercícios físicos. Os vícios posturais também ocasionam problemas”, salienta.

Solução
Ao sentir constantes dores, o ideal é que a pessoa procure por um médico ortopedista para fazer um diagnóstico e, posteriormente, iniciar a fisioterapia.

A fisioterapeuta Vânia Arruda Mendes Barreto, também da Physio Life, destaca que existem inúmeros tratamentos fisioterapêuticos. “É feita a anamnese, uma avaliação física com testes específicos, análise postural e biomecânica”, descreve. “Deve-se observar a condição do tônus muscular, flexibilidades e mobilidade vertebral do paciente”. Feito isso, o profissional responsável indica ao paciente o melhor tratamento e a duração necessária para bons resultados.

LEIA TAMBÉM: