Foto: Divulgação

Guarujá

12 DE NOVEMBRO DE 2021

Após ter seu 3º show cancelado, Léo Lins acusa novamente a Prefeitura de censura

Humorista fez piadas sobre Guarujá e a política

Por: Da Redação

array(1) {
  ["tipo"]=>
  int(27)
}

O humorista Léo Lins acusou novamente a Prefeitura de Guarujá de censura.

Ele já havia, feito um post, após ter o show cancelado no Teatro Municipal Procópio Ferreira.

De acordo com  o humorista, a Prefeitura censurou o stand-up, após ele divulgar um vídeo com piadas sobre a cidade e a política.

boqnews.com/cidades/leo-lins-em-guaruja/

Dessa forma, o vídeo já tem mais de 57 mil visualizações.

Em nota, a Prefeitura alegou que o Teatro Municipal Procópio Ferreira está com problemas nas instalações elétricas.

Mais polêmica

Na última quarta-feira (10), o humorista divulgou um novo vídeo acusando a Prefeitura de Guarujá novamente de censura.

Ele citou que faria um show em um clube privado no Centro de Guarujá, porém a apresentação foi cancelada.

Ontem (11), Léo Lins anunciou um novo local em Vicente de Carvalho, entretanto a apresentação foi cancelada horas depois, pela terceira vez.

De acordo com ele, o clube alegou que teria um bingo.

Todavia, segundo o humorista isso não é verdade, haja visto que a produção ligou para alugar o espaço e o clube informou que estava disponível.

Assim, Léo Lins publicou um vídeo no Instagram, com sátira ao prefeito Válter Suman (PSDB).

Ingressos

Com grande parte dos ingressos vendidos, Léo Lins procura outro local para realizar seu show no domingo (14) às 19h.

Prefeitura de Guarujá

Diante das acusações de Léo Lins, a reportagem entrou em contato com a Prefeitura de Guarujá que divulgou a seguinte nota.

“A Secretaria de Cultura (Secult) de Guarujá lamenta as informações levianas que vêm sendo veiculadas nas redes sociais do artista a respeito de suposta interferência do Município acerca de apresentações supostamente agendadas em entidades particulares sobre as quais a Prefeitura não tem gerência.

A Prefeitura de Guarujá lamenta e repudia as manifestações feitas pelo artista em redes sociais, que difundem informações preconceituosas e que, além de não condizerem com a verdade, não refletem a realidade da Cidade e do povo que a frequenta e que nela vive”.

Notícias relacionadas

ENFOQUE JORNAL E EDITORA © TODOS OS DIREITOS RESERVADOS

desenvolvido por:
Este site usa cookies para personalizar conteúdo e analisar o tráfego do site. Conheça a nossa Política de Cookies.