Trânsito

Mais de 1,1 milhão de veículos passaram pelo SAI durante fim de ano

Os números de acidentes e feridos caíram 23% e 34%, respectivamente, na comparação com o mesmo período do ano passado

06 de janeiro de 2020 - 12:05

Da Redação

Compartilhe

O movimento de veículos nas rodovias do Sistema Anchieta-Imigrantes (SAI) foi intenso durante as festas de fim de ano.

A Ecovias, concessionária responsável pela administração do SAI, registrou a passagem de 1.138.016 veículos em direção ao Litoral, entre 0h de sexta-feira, dia 20 de dezembro, e 23h59 de quarta-feira, dia 1º de janeiro.

Do total, 510.237 motoristas desceram a Serra no Natal, de 20 a 26 de dezembro.

Durante a contagem de Ano Novo, de 27 de dezembro de 2019 a 1º de janeiro de 2020, 627.779 veículos seguiram para o Litoral pelas rodovias do SAI.

O pico de tráfego na descida da Serra foi registrado entre 07h e 08h de sexta-feira, 27 de dezembro.

Quando 8.546 veículos utilizaram o SAI em direção ao litoral.

Neste período, a Operação Descida (7×3) já estava em vigor nas rodovias do SAI.

Ou seja, os motoristas tinham à disposição as duas pistas da Anchieta e a pista sul da Imigrantes para a descida.

A subida, por sua vez, ocorria pela pista norte da rodovia dos Imigrantes.

Já o momento de tráfego mais intenso na subida foi registrado entre 21h e 22h de quarta-feira (1º).

Neste período, 8.626 veículos utilizaram as rodovias do trecho de concessão da Ecovias em direção à Capital.

Na ocasião, a Operação Subida (2×8) estava em vigor e dava aos motoristas a opção de trafegar pelas duas pistas da Imigrantes ou pela pista norte da Anchieta.

Já os usuários que seguiam em direção ao litoral utilizavam a pista sul da Anchieta.

 

Acidentes e atendimentos

Durante as operações de Natal e Ano Novo foram registrados 187 acidentes nas rodovias do Sistema Anchieta-Imigrantes.

O número é 23% menor que o registrado no mesmo período do ano passado.

O número de feridos também registrou queda de 34% no período, passando de 109 em 2018/2019 para 72 neste ano.

O número de mortes caiu de três para uma vítima fatal.

Durante o período de contagem, a concessionária atendeu 5.649 usuários que precisaram de auxílio nas rodovias.

Destes atendimentos, 3.081 foram ocorrências por panes mecânicas, 2.136 necessitaram do apoio de guincho e 432 solicitaram socorro médico.

Responsável pelo Sistema Anchieta-Imigrantes, a Ecovias faz parte do Programa de Concessões Rodoviárias do Estado de São Paulo, sob fiscalização da Agência de Transportes do Estado de São Paulo (Artesp).

LEIA TAMBÉM: