Maria Isabel Stamato deixa legado na luta contra violência sexual a menores | Boqnews

Perda

10 DE NOVEMBRO DE 2022

Maria Isabel Stamato deixa legado na luta contra violência sexual a menores

A professora Maria Izabel Calil Stamato foi responsável por inúmeros estudos e trabalhos na luta contra a violência sexual contra crianças e adolescentes

Por: Da Redação

array(1) {
  ["tipo"]=>
  int(27)
}

A professora-doutora e psicóloga Maria Isabel Calil Stamato faleceu na manhã de hoje (10) na Beneficência Portuguesa, em Santos.

Ela tinha 69 anos e lutava contra uma doença autoimune.

Assim, com ampla atuação na área de psicologia social, Maria Isabel era uma das fundadoras da Organização da Sociedade Civil Concidadania.

Além disso, tinha larga atuação no Fórum da Cidadania de Santos.

Dessa forma, o velório ocorrerá nesta quinta (10), a partir das 16h, no Salão Nobre do Memorial Necrópole Ecumênica (Avenida Doutor Nilo Peçanha, 50, Santos).

Por sua vez, a cerimônia de cremação ocorrerá amanhã (11), às 9 horas também no Memorial.

Assim, a docente lecionou na Universidade Católica de Santos por 32 anos, tendo ocupado várias atividades acadêmicas. Foto: Divulgação

A professora lecionou por 32 anos na Universidade Católica de Santos.

Assim, a instituição emitiu a seguinte nota:

“A Universidade Católica de Santos – UniSantos – em profundo pesar lamenta a morte da professora doutora Maria Izabel Calil Stamato. Docente da instituição por 32 anos, ela ocupou diferentes cargos como o de coordenadora do curso de Psicologia e coordenadora do Programa de Mestrado em Psicologia, Desenvolvimento e Políticas Públicas.

Assim, Maria Izabel trabalhou em inúmeros projetos de extensão e como pesquisadora coordenou diversos estudos sobre crianças e adolescentes em situação de risco.

Autora de livros, artigos e capítulos de livros, deixa marcas pela postura ética e pela luta em prol da humanização do atendimento na área da Psicologia”.

Além disso, no dia 5 de maio, ela participou do Jornal Enfoque – Manhã de Notícias.

Na ocasião, falou sobre um tema importante e delicado: a violência sexual contra crianças e adolescentes, dentro do Maio Laranja.

Confira o programa

 

Atuação social

Maria Izabel Calil Stamato era doutora em Psicologia Social pela Pontifícia Universidade Católica de São Paulo (2008) e Psicóloga pela Universidade de Mogi das Cruzes (UMC).

Além de docente da Universidade Católica de Santos por 32 anos, ela era especialista em políticas públicas para a infância e adolescência, mestre e doutora em Psicologia.

Desde 1983, atuava com crianças e adolescentes em situação de risco.

Por sua vez, na UniSantos, coordenou o curso de Psicologia e do Programa de Mestrado em Psicologia, Desenvolvimento e Políticas Públicas.

Não bastasse, coordenou trabalhos de extensão voltados para comunidades carentes com estagiários de Psicologia, Pedagogia, Serviço Social, Enfermagem, Farmácia, Direito e Geografia. Consultora e assessora de organização governamentais e não governamentais, conselhos de direitos e tutelares.

Além disso, esteve à frente do Conselho Municipal dos Direitos da Criança e Adolescente de Santos.

Assim, como pesquisadora, coordenou a pesquisa “Violência e prostituição entre crianças e adolescentes no município de Santos”.

Por sua vez, o estudo ocorreu em 1993, numa parceria entre a UniSantos,o Unicef e Conselho Municipal dos Direitos da Criança e Adolescente.

Entre 1993 e 1996, integrante do corpo de pesquisadores do Instituto de Estudos Especiais da PUC/SP, coordenou e participou de inúmeras pesquisas sobre programas exemplares de atendimento a crianças e adolescentes em situação de risco.

De 1996 e 1999, coordenou o projeto “Educação para Saúde”, desenvolvido pelo Movimento Nacional Meninos e Meninas de Rua e Médicos del Mundo-Espanha, na Baixada Santista.

Além disso, escreveu livros, capítulos de livros, artigos científicos.

Por sua vez, orientou dezenas de trabalhos de conclusão de curso, projetos de iniciação científica e dissertações.

Além disso, participou também de dezenas de bancas de trabalhos de conclusão de curso.

Notícias relacionadas

ENFOQUE JORNAL E EDITORA © TODOS OS DIREITOS RESERVADOS

desenvolvido por:
Este site usa cookies para personalizar conteúdo e analisar o tráfego do site. Conheça a nossa Política de Cookies.