Esportes

Há 15 anos, Briosa disputava o Paulistão da Série A pela última vez

Objetivo da Portuguesa Santista neste ano é alcançar o acesso

26 de março de 2021 - 18:59

João Pedro Bezerra

Compartilhe

No início dos anos 2000, a Portuguesa Santista vivia uma ótima fase. Até quem não era torcedor da Briosa acompanhava as partidas no estádio Ulrico Mursa. O entusiasmo era totalmente compreensível, até porque a equipe Rubro-Verde fazia boas campanhas no Paulistão.

O grande momento da Portuguesa Santista na primeira divisão foi em 2003, após se consolidar na elite do futebol paulista com o acesso em 1996. A equipe comandada pelo técnico Pepe foi longe na competição para surpresa de muitos que não acreditavam no potencial da Briosa.

O elenco que contava com bons jogadores, como Rico e Souza, foi a grande sensação do torneio, vencendo o Santos que era o campeão brasileiro por 2 x 0. Uma curiosidade naquele time é que a maioria dos jogadores tinham o cabelo platinado de loiro, o que levou uma série de garotos em Santos a fazer o mesmo corte de cabelo.

Briosa venceu o Santos no Ulrico Mursa/ Foto: Reprodução

A Portuguesa avançou para as quartas de finais em primeiro lugar do grupo. Na fase eliminatória, a Briosa eliminou o Guarani e enfrentou o São Paulo na semifinal, porém o Tricolor Paulista acabou vencendo no Morumbi por 5 x 0 e na Vila Belmiro pelo placar de 1 x 0, decretando o fim do sonho do time Rubro-Verde.

Boa Campanha

No ano seguinte outra boa campanha. A equipe acabou sendo eliminada para o Palmeiras por 2 x 1 nas quartas de final. Vale destacar que naquele campeonato, a Portuguesa Santista quase rebaixou o Corinthians para a Série A2: www.boqnews.com/esportes/o-dia-em-que-a-portuguesa-santista-quase-rebaixou-o-corinthians/. Por ironia do destino, o Timão acabou sendo salvo pelo rival São Paulo, que derrotou o Juventus.

De acordo com o torcedor Aguinaldo Pereira de 58 anos, era prazeroso ver o time Rubro-Verde jogar, inclusive ele acompanhou a partida no Pacaembu, quando a Briosa venceu o Timão por 1 x 0, com gol de Reinaldo.

A última participação da Portuguesa na Série A1 do Paulistão foi no ano de 2006.

Um ínicio de goleadas

A fórmula de disputa do Campeonato Paulista em 2006 era por pontos corridos. As 20 equipes se enfrentavam em turno único e os quatro piores times eram rebaixados. O primeiro jogo da Briosa no campeonato foi animador. A equipe goleou o Guarani por 4 x 1 em Ulrico Mursa.

Contudo, na partida seguinte, o time foi derrotado por 5 x 1 pelo Corinthians no Pacaembu. Nos quatro confrontos seguintes, a Portuguesa Santista somou duas vitórias e duas derrotas, deixando a impressão que ficaria no meio da tabela.

Vitória contra o Santos

Equipe teve apenas quatro vitórias na competição/ Foto: Reprodução

O ano de 2006 acabou sendo a última vez que Portuguesa Santista e Santos se enfrentaram no Campeonato Paulista. Na sétima rodada, as duas equipes da cidade mediram forças em São Caetano do Sul, pois a Federação Paulista não permitiu o jogo em Ulrico Mursa.

A partida terminou com a vitória da Portuguesa Santista por 2 x 1, em uma tarde inspirada de Léo Mineiro, que marcou um golaço. O outro gol foi anotado por Júlio César e Luiz Alberto descontou para o Santos.

Segundo o torcedor Thiago dos Santos, de 40 anos, a partida foi marcante “Não consegui ir ao estádio e acompanhei o duelo pela televisão, ver a Briosa vencer o clássico praiano foi algo que me deixou muito feliz”.

A queda

Após a vitória contra o Peixe, a Briosa começou a ter maus resultados, com cinco derrotas seguidas e o perigo do rebaixamento começou a rondar a equipe Rubro-Verde. O torcedor Aguinaldo Pereira lembra da crise do clube ao longo do campeonato “Contra o América em São José Rio Preto jogamos sem goleiro reserva, o Ronaldo abandonou o time por não receber salário, segundo ele”, destacou.

Aguinaldo é um torcedor raiz da Briosa. Ele sempre acompanhou o time em caravanas pelo interior de São Paulo e esteve presente no dia do rebaixamento da Portuguesa Santista, em Americana, diante do Rio Branco.

Aguinaldo e seus amigos em jogo da Briosa no interior/ Foto: Arquivo Pessoal

“Na última rodada, a gente precisava ganhar e torcer contra a Portuguesa e o Guarani e isso acabou dando certo, mas não fizemos nossa parte. O time jogou muito mal, não parecia que valia vaga na elite. Acabamos perdendo por 2 x 0 para o Rio Branco que só cumpria tabela e quem acabou se salvando foi o Marília”, ressaltou. A Briosa terminou a competição na penúltima colocação com 17 pontos. A equipe somou apenas uma vitória nos últimos sete jogos.

Esperança

O time chegou a cair para a última divisão do Campeonato Estadual, mas conseguiu se recuperar nos últimos anos, com o título do Paulista da 2ª Divisão, que equivale a quarta série em 2016 e o vice campeonato na Série A3 de 2018. Atualmente, a Briosa está na Série A-2 e briga por uma vaga para o mata-mata. De acordo com o Thaigo dos Santos , o time está a um degrau de alcançar o objetivo tão sonhado em voltar à elite do futebol paulista.

Vale destacar que a Série-A2 do Paulistão está paralisada por conta da fase emergencial do Governo do Estado de S. Paulo devido ao avanço de contágio do coronavírus, inclusive a Briosa nem o Jabaquara podem treinar em Santos por conta do lockdown.

Equipe está na 9° colocação/ Foto: Divulgação

LEIA TAMBÉM: