Foto: Divulgação

Seu lar

26 DE SETEMBRO DE 2017

Como escolher o ar-condicionado Split para a sua casa

Cuidados com a instalação e a necessidade de limpeza constante do filtro e painel frontal ajudam na redução dos gastos do uso do ar condicionado split.

Por: Da Assessoria

array(1) {
  ["tipo"]=>
  int(27)
}

O ar-condicionado se tornou a principal ferramenta para refrescar praticamente todos os tipos de ambientes fechados.

Em tempos de calor intenso, estar em um ambiente refrigerado sempre é muito agradável.

Ao mesmo tempo em que são as principais armas contra as altas temperaturas do Verão, este eletrodoméstico também ganhou alguns rótulos negativos durante sua jornada como o maior consumidor de energia da casa e até destruidor da camada de ozônio.

Vimos que muitas destas teorias eram infundadas e a tecnologia desses aparelhos vem evoluindo bastante para aliar qualidade e economia.

O modelo de ar-condicionado Split está no topo desta evolução, e cuidados com a instalação e o uso também são formas valiosas para melhorar o desempenho do seu aparelho.

 

Escolha um ar-condicionado de acordo com suas necessidades

 

A economia e os benefícios do ar-condicionado Split devem começar no momento da compra.

Elementos importantes como local de atuação e tempo de funcionamento do aparelho vão influenciar na sua decisão.

Veja alguns passos que podem facilitar na sua escolha:

 

● BTUs

Esta sigla é uma medida de potência britânica exclusiva para este eletrodoméstico. Neste caso, nem sempre o mais potente é o melhor. Os aparelhos para uso doméstico variam de 7.500 até 30.000 BTUs.

Se você tem um cômodo de 10 m², por exemplo, 7.500 BTUs já resolvem o problema e não é preciso gastar com um modelo mais caro.

Além do tamanho do cômodo, outro fator que pode determinar a potência do seu aparelho é a incidência de luz solar que ele recebe diretamente.

O ideal é conversar com um técnico ou pesquisar uma tabela de BTUs encontrada facilmente na internet antes da compra.

 

● Procel

O Programa Nacional de Conservação de Energia Elétrica, ministrado pela Eletrobras, oferece um selo aos eletrodomésticos aferidos pelo Inmetro.

O Selo Procel mede a eficiência energética dos aparelhos e confere uma escala de A a F, ganhando o A os que foram melhores nos testes.

Nem sempre os equipamentos com a nota A são os mais baratos, mas tenha em mente que a economia realizada com a conta de luz paga o investimento.

Na hora de comprar o seu Split, dê preferência para os que possuem maior eficiência energética, mesmo que tenha um custo um pouco maior.

 

Instalação

A estrutura onde será instalado seu equipamento pode determinar o tipo de ar-condicionado que você deverá optar.

No caso do Split, que possui basicamente duas partes, é necessário um espaço para a condensadora (área externa) e para a unidade evaporadora (área interna).

Também é importante reservar um lugar para o dreno, que escoa a água condensada do aparelho, presente em todos os modelos.

A instalação do Split é mais complexa que outros modelos, mas como o condensador fica do lado de fora, o ar-condicionado funciona de forma silenciosa internamente.

Existem vários tipos de Split para melhor se encaixar no cômodo, sendo o principal deles – e também o mais usado – o Hi-Wall, instalado no alto das paredes.

Quando comprar este aparelho, o mais indicado é chamar um técnico para fazer a instalação.

 

E ainda…

 

Funções

O sistema Split inverter possui uma tecnologia que mantém a temperatura desejada de forma contínua, não precisando desligar e liga automaticamente o dispositivo, fato que consome muito energia dos aparelhos convencionais como os modelos de janela.

Outros recursos são bastante interessantes como o Sleep, função programada pelo usuário que desliga o ar-condicionado em um horário determinado.

Esse “timer” é útil para economizar energia em lugares onde a madrugada é mais fria e não é necessário o uso do aparelho naquele período.

Essa função evita que o dispositivo corra o risco de ficar ligado o tempo todo.

Os modelos com indicador de temperatura também ajudam a manter o clima do jeito que você gosta sem exigir demais do equipamento.

 

Manutenção

A manutenção é essencial para promover a durabilidade do seu investimento e manter o bom desempenho do eletrodoméstico.

Algumas podem ser feitas de forma preventiva pelo próprio usuário como limpeza de filtro e do painel frontal.

Sempre é bom dar uma olhada no manual antes de começar a realizar o serviço.

Uma limpeza mais completa deve ser feita por um técnico que precisará desmontar algumas partes e ter acesso a todos os locais do aparelho.

Esse tipo de manutenção tem que ser feita pelo menos uma vez por ano.

Algumas ações diárias também podem ser realizadas para economizar energia e obter maior eficiência.

Tentar vedar da melhor maneira possível o cômodo refrigerado, sem deixar sair o ar frio constantemente é uma boa dica de uso.

Notícias relacionadas

ENFOQUE JORNAL E EDITORA © TODOS OS DIREITOS RESERVADOS

desenvolvido por:
Este site usa cookies para personalizar conteúdo e analisar o tráfego do site. Conheça a nossa Política de Cookies.