ETC
etc

Frontaria Azulejada será palco para homenagem a Adoniran Barbosa

A Casa da Frontaria Azulejada, no Centro Histórico, será palco no próximo dia 9, às 20 horas, de homenagem ao…

01 de outubro de 2010 - 00:05

Da Redação

Compartilhe

A Casa da Frontaria Azulejada, no Centro Histórico, será palco no próximo dia 9, às 20 horas, de homenagem ao centenário do sambista paulistano Adoniran Barbosa. O espetáculo “Nois ganha poco, mais nóis si diverti”, é composto por 12 artistas do Coro Cênico BossaNossa. Sucessos de Adorinan, como Trem das Onze, Samba do Arnesto e As Mariposa serão interpretados em ambiente que lembra um programa radiofônico.


O evento tem apoio da Fams (Fundação Arquivo e Memória de Santos) e da Secult (Secretaria de Cultura). No dia 10, às 11 horas, o BossaNossa volta a se apresentar, mas no teatro Guarany.


As canções de Adoniran são entremeadas por jingles antigos. Além disso, a apresentação inclui rádio-novela, parte de programas jornalísticos, culinária e uma adaptação do popular programa Histórias das Malocas, que contava como personagem central o anti-herói Charutinho.


Nóis ganha poco, mais nóis si diverti tem direção musical de Adriane Biagini, com colaboração de Rita Paula Ignácio e Fernanda Cechi; direção cênica de Magno Bucci; e produção de Fabiano Rangel e Odônio dos Anjos. Entrada gratuita.

LEIA TAMBÉM: